HistoquÃmica com lectinas de sementes de Cratylia mollis analisando tecidos prostÃticos humanos

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2009

RESUMO

Prostate cancer is a malignant tumour of major incidence in elderly men in the developed countries and the second major cause of death for cancer. Lectins are proteins or glycoproteins, which recognize specifically and reversibly free or conjugated carbohydrates. They have been used in histochemistry to evaluate changes in the composition and expression of cell-surface and cytoplasm oligossacharides in glycoconjugates during processes of cellular development and differentiation as well as in carcinogenesis. The aim of this work was to evaluate isoforms from Cratylia mollis seed lectin (Cramoll 1,4 glucose/mannose-specific and Cramoll 3 galactose-specific), conjugated to horseradish peroxidase (HRP), as potential histochemical markers for normal and neoplasic tissues of human prostate and to compare them to commercial lectins of similares specificities, respectively (Con-A and PNA). Cramoll 1,4 and Cramoll 3 were conjugated to HRP and biopsies slices (4 μm) from normal prostate, benign prostatic hyperplasia (BPH) and prostatic carcinoma (PCa) were submitted to histochemistry with the lectins in study. Inhibition assays of lectin-carbohydrate binding were carried out with the specific sugar for each isoform at a concentration of 0.3 M for control. The labeling pattern of Con-A and Cramoll 1,4 in BPH was more intense than in NP. These lectins too showed differences between BPH and PCa, in which marked with decreasing intensity while increased malignancy degree. PNA and Cramoll 3 stained similarly epithelial cells in all groups, although they have presented intense staining of lumen of the PCa glands. None of lectins in study can be employed as a marker for corpora amylacea since there wasnât difference of staining among them in most cases. Present results suggest that the glycosylation of proteins is modified in both BPH and PCa. Thus, Cramoll 1,4 and 3 seed lectins present themselves as candidate for tools in histochemistry for prostate pathologies when compared to commercial lectins as Con-A and PNA.

ASSUNTO(S)

cÃncer corpos amilÃceos. prÃstata cratylia mollis prostate lectinas histoquÃmica corpora amylacea. cratylia mollis lectin histochemistry biologia e fisiologia dos microorganismos cancer

Documentos Relacionados

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo

Se o seu (des)orientador pediu para você fazer os Resultados e Discussão no TCC, mas não te explicou o que é isso e nem mostrou Como Fazer, este artigo é para você! Você quer Aprender Definitivamente O Que São e Como Fazer os Resultados e Discussão no seu TCC, não quer? Então, você tem que dar uma olhada no VÍDEO deste artigo. Aprenda de maneira Rápida e Definitiva Como Fazer os Resultados e Discussão no TCC, com exemplos Simples e Objetivos para trabalhos com Pesquisa de Campo Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo