A cidade atravessada: Velhos e novos cenÃrios na polÃtica belojardinense (1969-2000)

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2002

RESUMO

Esta dissertaÃÃo procura analisar algumas estratÃgias utilizadas pelos Grupos de Francisco Cintra GalvÃo e Josà MendonÃa Bezerra, no que concerne a sua manutenÃÃo enquanto forÃas polÃticas hegemÃnicas, da cidade de Belo Jardim. Buscam-se apreender as condiÃÃes histÃricas que deram emergÃncia a estes atores polÃticos e como suas prÃticas imagÃtico-discursivas e nÃo-discursivas contribuÃram para dar uma nova visibilidade e dizibilidade à cidade e aos seus habitantes. Ou seja, vimos que a partir do final da dÃcada de 1960 processa-se uma sÃrie de modernizaÃÃes que alteram a paisagem urbana e o modus vivendi da populaÃÃo local e, por conseguinte, instaura uma determinada forma de ver e dizer a cidade, a qual se espacializa, nos discursos polÃticos e no senso comum, como âa cidade dos mÃsicosâ , âcidade de vocaÃÃo industrialâ entre outros enunciados. SÃo enunciados, portanto, que tÃm a pretensÃo de forjar uma identidade e construir uma memÃria duradoura. A outra questÃo problematizada neste trabalho diz respeito aos imbricamentos entre o velho e o novo nas prÃticas polÃticas e econÃmicas das elites. Elementos que sÃo considerados antagÃnicos mesclam-se, entrechocam-se, mas nunca de maneira auto-excludente. As elites, assim, mantÃm-se no poder, negociando as tensÃes entre o moderno e tradicional mediante processos de hibridismo

ASSUNTO(S)

belo jardim polÃtica econÃmica modernizaÃÃo elite historia do brasil

Documentos Relacionados

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo