Quais as precauções que os profissionais da odontologia devem adotar durante o atendimento a pacientes com tuberculose em estágio contagioso?

DATA DE PUBLICAÇÃO

31/05/2019

RESUMO

Segundo o manual que consta os Serviços Odontológicos: Prevenção e Controle de Riscos (Ministério da Saúde 2006), os procedimentos para reduzir o risco de contaminação aérea, o que inclui a Tuberculose, seriam:

•Usar dique de borracha, sempre que o procedimento permitir;

•Usar sugadores de alta potência;

•Evitar o uso da seringa tríplice na sua forma spray, isto é evitar acionar o os dois botões ao mesmo tempo;

•Regular a saída de água de refrigeração;

•Higienizar previamente a boca do paciente mediante escovação e/ou bochecho com anti-séptico;

•Manter o ambiente ventilado;

•Usar exaustores com filtro HEPA;

•Usar máscaras de proteção respiratórias;

•Usar óculos de proteção;

•Evitar contato dos profissionais suscetíveis com pacientes suspeitos de sarampo, varicela, rubéola e tuberculose (1).

ASSUNTO(S)

assistência odontológica tuberculose/transmissão

Documentos Relacionados