Infecção latente por tuberculose e tuberculose em crianças e adolescentes

AUTOR(ES)
FONTE

Einstein (São Paulo)

DATA DE PUBLICAÇÃO

17/09/2018

RESUMO

RESUMO Objetivo: Descrever as características de pacientes com diagnóstico de tuberculose e de infecção latente por tuberculose. Métodos: Estudo retrospectivo, entre os anos de 2012 e 2015, com os dados dos pacientes do ambulatório do Programa Einstein na Comunidade de Paraisópolis. Para se avaliarem possíveis fatores associados ao sexo e aos diagnósticos de tuberculose e infecção latente por tuberculose, foram utilizados os testes χ2 ou exato de Fisher, para variáveis qualitativas, e de Mann-Whitney, para variáveis quantitativas ou qualitativas ordinais. Resultados: Foram avaliados 77 pacientes. A idade variou de 6 meses a 13,4 anos, sendo a maioria do sexo masculino (54,5%), na faixa etária de zero a 4 anos (54,5%), com diagnóstico de infecção latente por tuberculose (64,9%) e categorizada como eutrófica (71,2%). Em 92% dos casos, a prova tuberculínica foi positiva, e a maioria mostrou valores acima de 10mm (68,0%). Cerca de três quartos dos exames de raio X de tórax resultaram normais (72,7%). Depois do raio X de tórax, a tomografia computadorizada de tórax foi o segundo exame mais solicitado (29,9%), seguida da baciloscopia e da cultura do bacilo Mycobacterium tuberculosis no aspirado gástrico (28,6%). As frequências de raio X de tórax alterado (70,4% versus 4,0%), solicitações de tomografia computadorizada de tórax (55,6% versus 16,0%) e outros exames (81,5% versus 38,0%) foram significativamente maiores nos pacientes com diagnóstico de tuberculose, em relação àqueles com infecção latente por tuberculose, respectivamente. Conclusão: Em nossa amostra, as proporções de raio X de tórax alterados e de realização de tomografia computadorizada de tórax e de outros exames nos pacientes com diagnóstico de tuberculose foram maiores em relação àqueles com infecção latente por tuberculose.

ASSUNTO(S)

tuberculose mycobacterium tuberculosis serviços de saúde da criança criança saúde da criança

Documentos Relacionados

Uma Monografia Pronta em 5 Passos? Veja como isso é possível AGORA! Seu TCC é uma Monografia?… hum… como é que eu vou te dizer isso… o gato subiu no telhado… Tô Brincando! Mas eu tenho uma boa e uma má notícia para te dar. Qual você quer primeiro?… bom, não vai dar para esperar você responder, então, vou começar pela ruim mesmo: a monografia é o modelo de TCC que mais tem volume de conteúdo, principalmente se a gente comparar com um artigo científico, por exemplo. Ler artigo

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo