A tríplice hélice e o desenvolvimento do setor de tecnologia da informação no Distrito Federal

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2006

RESUMO

A crescente interação entre os segmentos universidade, governo e empresa indica a tendência mundial de alianças e parcerias como parte do processo de desenvolvimento da sociedade. Esta pesquisa estuda o setor de Tecnologia da Informação (TI) no Distrito Federal e a sua relação com a Universidade de Brasília, o Governo Federal, o Governo do Distrito Federal e as Empresas de Tecnologia da Informação do Distrito Federal. O seu objetivo principal foi verificar os aspectos políticos, tecnológicos e informacionais da relação entre os três segmentos, referentes: ao papel institucional de cada segmento; ao conceito de inovação tecnológica e aos mecanismos de acompanhamento do processo de Inovação Tecnológica; à importância da patenteação no setor de TI e dos mecanismos a serem utilizados para aumentar a patenteação no Brasil; aos investimentos em P&D para a Ciência, a Tecnologia e a Inovação em cada segmento; aos pontos de partida para o processo de interação entre os segmentos; à demanda de informação e ao sistema de informação para a tomada de decisão de cada segmento. Foram estudados os elementos que compõem esse cenário: a Sociedade da Informação e do Conhecimento e a informação e o conhecimento nessa Sociedade; a Ciência, a Tecnologia e a Inovação; a Universidade, a Empresa, os clusters, cadeias produtivas e os arranjos institucionais; os Governos e os mecanismos governamentais de apoio e incentivos; o contexto mundial, brasileiro e do DF do setor de Tecnologia da Informação. O referencial teórico incluiu a Teoria Geral dos Sistemas; o processo de transferência de tecnologia; os estudos de Thomas Kuhn, Karl Popper e Michael Gibbons; os modelos do Triângulo de Sábato e da Tríplice Hélice. A população da pesquisa contou com dirigentes, professores e especialistas dos três segmentos. A amostra foi não probabilística, por conveniência, uma amostra intencional. Os dados foram coletados por meio de entrevistas individuais, com roteiro semi-estruturado. Para análise dos dados quantitativos utilizou-se o Statistical Package for the Social Sciences (SPSS). Para a análise de conteúdo foi feita a análise semântica, a partir da análise morfológica e sintática, mediante o uso do processo lingüístico computacional, utilizando-se parser léxicos para definição das matrizes de dados para o estabelecimento das Interseções (Associações) e das Relações (Conexões) entre os três segmentos. A partir dos dados coletados e analisados foram identificados os papéis e as relações entre os segmentos e a importância de cada variável estudada, bem como os pontos críticos, os desafios e os ajustes necessários em cada segmento para o estabelecimento de um processo de interação institucional. Como resultado da pesquisa são apresentados subsídios às políticas públicas de cada segmento e às diretrizes institucionais e organizacionais, relacionadas à abordagem sistêmica e programática das organizações e do setor de TI no Distrito Federal.

ASSUNTO(S)

interação universidade-empresa-governo gestão da informação government planning distrito federal. information technology sector ciencia da informacao planejamento organizacional setor de tecnologia da informação tríplice hélice organization planning planejamento governamental federal district (brazil). information management triple helix university of brasilia university-industry-government interaction universidade de brasília

Documentos Relacionados

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

TCC Pronto e Gratuito? Sério mesmo? Você acredita em almoço de graça? Comprar um TCC Pronto? Fazer o Próprio TCC? Você ainda tem dúvidas como essas? Você PRECISA ver este Artigo com Urgência! Neste artigo você encontrará: TCC Pronto e Gratuito Comprar TCC Pronto É só me corrigir se eu estiver errado, mas as pessoas Adoram Atalhos, certo? O problema é que, muitas vezes, ATALHOS São ARMADILHAS DISFARÇADAS. Então, se você quer Fugir das Armadilhas e quer saber a Verdade sobre TCC Pronto, TCC Pronto e Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo