Síndrome de burnout e fatores associados em profissionais da saúde de um hospital público

AUTOR(ES)
FONTE

Trends in Psychiatry and Psychotherapy

DATA DE PUBLICAÇÃO

2012

RESUMO

OBJETIVO: Verificar a prevalência das dimensões da síndrome de burnout e sua relação com variáveis sociodemográficas, laborais, psicossociais, de satisfação com o trabalho, de resistência ao estresse, de autoeficácia e também com transtornos mentais comuns em profissionais de saúde de um hospital público. MÉTODO: Este estudo transversal avaliou 234 profissionais da saúde de um hospital público na Região Sul do Brasil. Os participantes responderam ao Maslach Burnout Inventory, ao Questionário de Satisfação no Trabalho, à Escala de Personalidade Resistente ao Estresse, à Escala de Autoeficácia Geral Percebida, ao Self-Reporting Questionnaire e a um questionário desenvolvido especificamente para este estudo para coletar dados sociodemográficos e laborais. Os dados foram submetidos a análise descritiva e inferencial. RESULTADOS: Foi identificada uma associação entre as três dimensões da síndrome de burnout e variáveis sociodemográficas, laborais, psicossociais, traços de personalidade resistente ao estresse e transtornos mentais comuns. CONCLUSÕES: O estudo permitiu estabelecer um perfil de risco para síndrome de burnout, a saber, trabalhadores do sexo masculino, jovens, em processo de formação (graduação), com menor remuneração, que atendem um maior número de pacientes por dia, médicos, profissionais concursados, ausência de comprometimento, controle e desafio (traços de personalidade resistente ao estresse), menor autoeficácia, insatisfação com o trabalho, presença de transtornos mentais comuns e desejo de abandonar a profissão, a instituição ou seu cargo na instituição atual.

ASSUNTO(S)

estresse psicológico profissionais da saúde saúde ocupacional

Documentos Relacionados

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Se o seu (des)orientador pediu para você fazer os Resultados e Discussão no TCC, mas não te explicou o que é isso e nem mostrou Como Fazer, este artigo é para você! Você quer Aprender Definitivamente O Que São e Como Fazer os Resultados e Discussão no seu TCC, não quer? Então, você tem que dar uma olhada no VÍDEO deste artigo. Aprenda de maneira Rápida e Definitiva Como Fazer os Resultados e Discussão no TCC, com exemplos Simples e Objetivos para trabalhos com Pesquisa de Campo Ler artigo

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo