Perfil epidemiológico e avaliação da resposta ao tratamento cirúrgico nos pacientes com espondilodiscite atendidos no serviço de cirurgia da coluna do Hospital Getúlio Vargas em Recife/PE

AUTOR(ES)
FONTE

Coluna/Columna

DATA DE PUBLICAÇÃO

2011

RESUMO

OBJETIVO: Analisar a epidemiologia da população acometida por espondilodiscite e avaliar a resposta ao tratamento cirúrgico . MÉTODO: Foram avaliados 13 pacientes, sendo três do sexo feminino e 10 do sexo masculino, com diagnóstico de espondilodiscite e tratados cirurgicamente no período de outubro de 2007 a janeiro de 2010. A média da idade no momento da cirurgia foi de 54 anos. Foram analisados os prontuários e entrevistados os pacientes, considerando-se os seguintes parâmetros: gênero, faixa etária, etiologia, nível comprometido, sintomatologia, tempo de evolução até a cirurgia, alterações neurológicas, tratamento realizado, complicações pós-operatórias e evolução clínica. RESULTADOS: O sexo masculino foi mais acometido, assim como indivíduos mais idosos; a dor na região comprometida foi o sintoma inicial em 80% dos pacientes. O tempo médio entre o inicio dos sintomas e o tratamento cirúrgico foi de 20,25 meses. O segmento lombar foi o mais acometido, seguido pelo torácico e toracolombar, e a forma piogênica foi a mais frequente. O procedimento em dois tempos cirúrgicos pela via posterior (VP) e via anterior (VA), foi utilizado em 53% dos pacientes. CONCLUSÃO: Os pacientes do sexo masculino e os idosos foram os mais acometidos. O tratamento cirúrgico em dois tempos foi seguro e apresentou menor morbidade para os pacientes com espondilodiscite.

ASSUNTO(S)

tuberculose discite infecção artrodese

Documentos Relacionados

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo

Se o seu (des)orientador pediu para você fazer os Resultados e Discussão no TCC, mas não te explicou o que é isso e nem mostrou Como Fazer, este artigo é para você! Você quer Aprender Definitivamente O Que São e Como Fazer os Resultados e Discussão no seu TCC, não quer? Então, você tem que dar uma olhada no VÍDEO deste artigo. Aprenda de maneira Rápida e Definitiva Como Fazer os Resultados e Discussão no TCC, com exemplos Simples e Objetivos para trabalhos com Pesquisa de Campo Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo