Investigación científica y patentes: análisis ético-jurídico de sus relaciones

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. Bioét.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-12

RESUMO

A pesquisa científica e o direito de patentes pertencem a dois mundos muito diferentes, o que não impossibilitou que existam pontos de contato. Embora se tenha observado os princípios basilares que autorizam a concessão de uma patente (existência de invenção patenteável, inovadora, com cunho inventivo e aplicação industrial) não não se vislumbraram conflitos. As mudanças feitas no direito de patentes como fruto da crescente pressão do mercado, levou a uma transformação que perturba a livre circulação do conhecimento e da pesquisa científica em si; temas de indiscutível interesse ético. Neste trabalho se descrevem os aspectos mais significativos deste processo, assim como os conflitos mais relevantes que foram suscitados.Scientific research and patent law belong to two very different worlds, which made dificult that there are points of contact. While the underlying principles that authorize the granting of a patent (existence of a patentable invention, novelty, a inventive improve in the object or capacity in question and there industrial application) envisioned no conflicts were observed. The changes in patent law as a result of increasing market pressure has led to a transformation that disturbs the free movement of knowledge and scientific research itself; ethical issues of undoubted interest. The most significant notes of this process are described in this work as well as the most important conflicts that arose.

ASSUNTO(S)

health sciences human sciences

Documentos Relacionados