Estudo clínico controlado, aleatorizado, duplo-mascaramento, do desempenho de uma resina composta à base de silorano em restaurações de classe II

AUTOR(ES)
FONTE

IBICT

DATA DE PUBLICAÇÃO

15/03/2012

RESUMO

O objetivo deste estudo clínico controlado, aleatorizado e duplo-cego, foi comparar o desempenho clínico de uma resina à base de silorano com uma resina à base de metacrilato, em restaurações Classe II, compostas e complexas, ao longo de 18 meses. Após obtenção do consentimento livre e esclarecido, 33 participantes receberam 100 restaurações (n=50), alocadas aleatoriamente em grupo teste (Resina Filtek P90® e Sistema Adesivo Silorano 3M ESPE) ou grupo controle (Resina Filtek P60® e Adesivo Adper SE Plus® 3M ESPE). Após uma semana, as restaurações receberam acabamento e polimento. Um único operador realizou todos os procedimentos restauradores. Dois examinadores calibrados (kappa ponderado 0,7) avaliaram as restaurações no baseline e após 18 meses, de acordo com os critérios United States Public Health Service (USPHS) modificados. Os parâmetros analisados foram descoloração marginal, integridade marginal, textura de superficíe, forma anatômica, sensibilidade pós-operatória, cárie secundária, contato proximal e aspecto radiográfico. Os dados foram analisados com os testes Mann Whitney, Wilcoxon signed Rank, estatística Kaplan-Meier e análise de regressão de Cox (=0,05). Após 18 meses, 90% das restaurações foram avaliadas. Não houve diferença significativa entre os materiais no baseline ou após 18 meses (p>0,05). A análise de cada material ao longo do tempo demonstrou diferença significativa no grupo controle para descoloração marginal (p=0,046) e textura de superfície (p=0,005). Para o grupo teste houve diferença significativa para descoloração marginal (p=0,025), integridade marginal (p=0,046) e textura de superfície (p=0,005). Não houve diferença significativa entre as taxas de sobrevida observadas para os grupos teste (92%) e controle (98%) (p=0,185). Não houve efeito significativo do sistema restaurador (p=0,246), do tipo de dente (p=0,673) ou do número de faces restauradas (p=0,402) sobre as curvas de sobrevida. O desempenho clínico da resina de silorano foi similar ao da resina de metacrilato. As restaurações perderam em qualidade nos critérios descoloração marginal, integridade marginal e textura de superfície, mas continuaram aceitáveis após 18 meses. O sistema de resina à base de silorano é aceitável para restaurações Classe II.

ASSUNTO(S)

restauração (odontologia) - teses resinas dentárias - teses odontologia - aspectos estéticos - teses adesivos dentários - teses compósitos poliméricos - teses restauração dentária permanente/métodos decs resinas compostas decs ensaio clínico controlado aleatório decs

Documentos Relacionados