2012-12

Uma leitura em paralelo oblíquo: "A profecia" de Brás Cubas, "O delírio" de João de Patmos

Este artigo parte da diferenciação entre as possibilidades de análise literária que tomam como perspectiva ou a produção das obras, que amarra as obras ao seu momento de aparição histórica, ou a recepção, que se despoja da cronologia e permite verificar que a leitura de uma obra altera a de outra, independentemente de qual tenha sido produzida primeiro. Assim, segue-se a análise comparada de "O delírio", de Memórias póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis, e do Apocalipse de João de Patmos. Cumpre verificar como a leitura do texto machadiano permite a releitura do texto b...

Texto completo
  • Assuntos:

    • Machado de Assis
    • Memórias póstumas de Brás Cubas
    • Apocalipse
    • recepção