2014-09

Higiene, tipologia da infância e institucionalização da criança pobre no Brasil (1875-1899)

Neste estudo investigamos a emergência da infância como problema social e o tratamento dado ao tema pelos médicos higienistas formados na Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, lugar que proporcionava largo diálogo com a produção dos países considerados modelo de civilização. Ao mesmo tempo, procuramos analisar as marcas dos discursos higienistas em dois internatos criados entre 1875 e 1899 no Rio de Janeiro, voltados para crianças classificadas na literatura especializada e na documentação das instituições de recolhimento como órfãs, abandonadas e desvalidas. Trabalhando com...

Texto completo
  • Assuntos:

    • higiene
    • infância
    • internatos
    • Rio de Janeiro (1875-1899)