Valor nutritivo de alguns ingredientes para o robalo (Centropomus parallelus)

AUTOR(ES)
FONTE

Revista Brasileira de Zootecnia

DATA DE PUBLICAÇÃO

2002-11

RESUMO

Os robalos Centropomus são peixes que possuem alto valor comercial e grande importância econômica e social. Possuem potencial para aqüicultura, pois se adaptam ao confinamento e arraçoamento. O conhecimento dos requerimentos nutricionais dos robalos é básico para a elaboração de rações específicas. Para determinar a digestibilidade de alguns ingredientes utilizados em rações para peixes, trabalhou-se Centropomus parallelus, utilizando-se o farelo de soja, farelo de aveia e farelo de arroz, testados como ingredientes de rações que continham 0,5% de óxido crômico (Cr2O3) como marcador externo. A metodologia experimental foi composta de quatro tanques cilíndrico-cônicos, com volume de 60 L e 10 peixes cada, conectados a dois filtros biológicos interligados com volume útil de 100 L. O fundo dos tanques foi usado para coleta dos excrementos e as amostras foram armazenadas e, após, secas em estufa a 55,0ºC para análises. Os valores de digestibilidade aparente da matéria seca, proteína bruta e energia bruta das rações foram, respectivamente: farelo de soja, 78,74%, 90,96%, 82,66%; farelo de aveia, 48,06%, 81,10%, 60,25%; farelo de arroz, 59,34%, 86,98%, 69,06% e da matéria seca digestível, proteína digestível e energia digestível dos alimentos: farelo de soja, 65,38%, 36,04%, 3497 kcal/kg; aveia, 21,36%, 9,15%, 4197 kcal/kg; farelo de arroz, 46,41%, 6,57%, 3434 kcal.

ASSUNTO(S)

aqüicultura digestibilidade nutrição robalo

Documentos Relacionados

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo