USO DE ÁGUA RESIDUÁRIAS NA PRODUÇÃO DE MUDAS DE A AROEIRA

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. Caatinga

DATA DE PUBLICAÇÃO

2018-07

RESUMO

RESUMO O uso das águas residuais tem despontado como uma alternativa para o controle da poluição ambiental e uma opção viável para aumentar a disponibilidade hídrica nas regiões áridas e semiáridas. Neste estudo, os efeitos da água de irrigação com efluente de esgoto doméstico e do substrato de cultivo sob o crescimento de mudas de Aroeira foram estudados em um experimento em condições de ambiente protegido. Foram testados cinco soluções de irrigação (Água de abastecimento - AA, Efluente de esgoto doméstico bruto - ED e as misturas de 75% ED + 25% AA, 50% ED + 50% AA e 25% ED + 75% AA) e dois substratos de cultivos (75% solo + 25% esterco de bovinos e 75% solo + 25% fibra de coco) utilizando o delineamento estatístico inteiramente casualizado, arranjadas em parcelas subdivididas com três repetições com três repetições por tratamento. As avaliações de crescimento e desenvolvimento foram realizadas aos 30; 60; 90 e 150 dias após o plantio e determinaram-se as variáveis diâmetro do colo, altura de parte aérea, relação entre altura e o diâmetro, relação matéria seca da parte aérea/matéria seca da raiz, matérias secas do sistema radicular, da parte aérea, total, e o índice de Dickson. As análises dos resultados indicaram que a irrigação com efluente de esgoto aumentou o crescimento e o índice morfológico das mudas de aroeira, sendo o melhor desenvolvimento encontrado quando as plântulas de Aroeira foram cultivadas em substrato de esterco bovino + solo e irrigadas com solução contendo 100% efluente de esgoto doméstico tratado.

ASSUNTO(S)

Água de reuso myracrodruon urundeuva l. espécie da caatinga.

Documentos Relacionados

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo

Uma Monografia Pronta em 5 Passos? Veja como isso é possível AGORA! Seu TCC é uma Monografia?… hum… como é que eu vou te dizer isso… o gato subiu no telhado… Tô Brincando! Mas eu tenho uma boa e uma má notícia para te dar. Qual você quer primeiro?… bom, não vai dar para esperar você responder, então, vou começar pela ruim mesmo: a monografia é o modelo de TCC que mais tem volume de conteúdo, principalmente se a gente comparar com um artigo científico, por exemplo. Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo