Uso de agentes microbianos e químico para o controle de Meloidogyne incognita em soja

AUTOR(ES)
FONTE

Acta Scientiarum. Agronomy

DATA DE PUBLICAÇÃO

2010-09

RESUMO

Nematoides de galhas constituem importante grupo de patógenos da cultura da soja e o manejo integrado é uma das principais medidas de controle que visam à redução de perdas econômicas. Neste trabalho foi avaliada a eficácia dos fungos Paecilomyces lilacinus (Thom.) Samsom e Pochonia chlamydosporia (Goddard) Zare & Gams (sinonímia Verticillium chlamydosporium), de um produto comercial à base de Bacillus sp. (Nemix) e do nematicida químico Aldicarb no controle de Meloidogyne incognita em soja, variedade M-SOY 6101. O experimento foi realizado em casa-de-vegetação no delineamento experimental de blocos casualizados com nove tratamentos (três produtos biológicos usados no tratamento de sementes com ou sem a aplicação em pós-emergência, Aldicarb aplicado apenas em pós-emergência e duas testemunhas) e quatro repetições. Aldicarb reduziu o número de ovos e de juvenis do nematoide. P. lilacinus foi o mais atuante dos agentes biológicos, favorecendo a manutenção da quantidade de matéria seca da raiz de soja e reduzindo o número de ovos. O produto Nemix e P. chlamydosporia somente tiveram ação efetiva na redução do número de ovos do nematoide. Com base nos resultados, foi possível concluir que o agente químico e os agentes biológicos avaliados neste trabalho tiveram moderada atividade no controle de M. incognita em soja.

ASSUNTO(S)

glycine max paecilomyces lilacinus pochonia chlamydosporia bacillus aldicarb fitonematoide

Documentos Relacionados