Tratamento térmico e germinação de sementes do híbrido interespecífico entre o caiaué e o dendezeiro

AUTOR(ES)
FONTE

J. Seed Sci.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-12

RESUMO

O dendezeiro, palmeira de origem africana, representa a principal fonte mundial de óleo vegetal. A hibridação interespecífica do dendezeiro com o caiaué, de origem americana, tem como objetivos a resistência a doenças, melhoria na qualidade do óleo e menor altura de plantas. A Embrapa desenvolveu a primeira cultivar brasileira híbrida interespecífica (HIE) entre o caiaué e o dendezeiro. Os procedimentos adotados para avaliar a germinação das sementes comerciais dessa cultivar têm apresentado valores médios de 32%. O objetivo desse trabalho foi avaliar o efeito do período de tratamento térmico e do teor de água nas sementes, ideais para superação da dormência e obtenção da germinação máxima. Adotou-se o delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 4 x 3, sendo quatro intervalos de graus de umidade: 18-19; 19-20; 20-21 e 21-22% e três períodos de tratamento térmico: 55, 75 e 100 dias, com três repetições de 500 sementes. Foram avaliadas a porcentagem de germinação, a primeira contagem e o índice de velocidade de germinação. Para superação da dormência e germinação, as sementes híbridas do HIE: oleifera x guineensis devem ter seu teor de água ajustado para valores entre 19 e 22% e ser submetidas ao tratamento térmico sob temperatura de 39 ± 1 ºC e umidade relativa do ar de aproximadamente 75% por 75 dias.

ASSUNTO(S)

elaeis guineensis elaeis oleifera palma de óleo superação de dormência

Documentos Relacionados

TCC Pronto e Gratuito? Sério mesmo? Você acredita em almoço de graça? Comprar um TCC Pronto? Fazer o Próprio TCC? Você ainda tem dúvidas como essas? Você PRECISA ver este Artigo com Urgência! Neste artigo você encontrará: TCC Pronto e Gratuito Comprar TCC Pronto É só me corrigir se eu estiver errado, mas as pessoas Adoram Atalhos, certo? O problema é que, muitas vezes, ATALHOS São ARMADILHAS DISFARÇADAS. Então, se você quer Fugir das Armadilhas e quer saber a Verdade sobre TCC Pronto, TCC Pronto e Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo