The protective effect of Papaverine and Alprostadil in rat testes after ischemia and reperfusion injury

AUTOR(ES)
FONTE

Int. braz j urol.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2018-06

RESUMO

ABSTRACT Objective: To investigate the effect of papaverine and alprostadil on testicular torsion-detorsion injury in rats. Materials and Methods: A total of 40 male Wistar-Albino rats were used in this study. Four hours of right testicular torsion was applied to each group, excluding sham oper- ated group. The torsion-detorsion (T/D), T/D + papaverine and T/D + alprostadil groups received saline, papaverine and alprostadil at the same time as surgical detorsion, respectively. At 14 days after the surgical detorsion, ischaemic changes and the degree of damage were evaluated with Cosentino scoring and the Johnson tubular biopsy score (JTBS). Results: JTBS was determined as 8.8±2.7 in the Sham group, 5.08±1.9 in the T/D+papaverine group, 5.29±2.3 in the T/D +alprostadil group and 2.86±1.9 in the TD group. The JTBS was determined to be statistically significantly high in both the T/D + papaverine group and the T/D + alprostadil group compared to the T/D group (p=0.01, p=0.009). In the T/D + papaverine group, 3 (43%) testes were classified as Cosentino 2, 3 (43%) as Cosentino 3 and 1 (14%) as Cosentino 4. In the T/D +alprostadil group, 5 (50 %) testes were classified as Cosentino 2, 3 (30 %) as Cosentino 3 and 2 (20%) as Cosentino 4. Conclusion: The present study indicated that spermatic cord administration of alprostadil and papaverine showed a protective effect against ischemia/reperfusion injury after right-side testes torsion and histological changes were decreased after testicular ischemia reperfusion injury.

Documentos Relacionados

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Uma Monografia Pronta em 5 Passos? Veja como isso é possível AGORA! Seu TCC é uma Monografia?… hum… como é que eu vou te dizer isso… o gato subiu no telhado… Tô Brincando! Mas eu tenho uma boa e uma má notícia para te dar. Qual você quer primeiro?… bom, não vai dar para esperar você responder, então, vou começar pela ruim mesmo: a monografia é o modelo de TCC que mais tem volume de conteúdo, principalmente se a gente comparar com um artigo científico, por exemplo. Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo