Tendência do estado nutricional de gestantes adolescentes beneficiárias do programa de transferência condicionada de renda brasileiro Bolsa Família no período 2008-2018

AUTOR(ES)
FONTE

Ciênc. saúde coletiva

DATA DE PUBLICAÇÃO

2021-07

RESUMO

Resumo Trata-se de um estudo ecológico que objetivou analisar a tendência do estado nutricional de gestantes adolescentes beneficiárias do programa brasileiro de transferência condicionada de renda, Bolsa Família, no período 2008-2018. Foram avaliados dados secundários de gestantes adolescentes beneficiárias do Programa Bolsa Família no período de janeiro de 2008 a dezembro de 2018, extraídos dos relatórios públicos do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional WEB. Foram consultados os relatórios de acompanhamento das condicionalidades de saúde consolidados de acesso público do Programa Bolsa Família, sempre considerando a 2ª vigência. Observou-se uma variação anual de -1,2% (IC95%: [-1,6; -0,8] p<0,01) na prevalência de baixo peso na amostra estudada. Com relação as prevalências de sobrepeso e obesidade no país, observou-se variações anuais de 2,9% (IC95%: [2,0; 3,7] p<0,01) e 7,5% (IC95%: [5,7; 9,3] p<0,01), respectivamente. Conclui-se que, no período avaliado, a prevalência de baixo peso entre as gestantes adolescentes beneficiárias do Programa Bolsa Família apresentou uma tendência decrescente, ao passo que as prevalências de sobrepeso e obesidade apresentam uma tendência crescente em todo o Brasil.

Documentos Relacionados