RELAÇÕES ENTRE CARACTERES DE PIMENTÃO PROVENIENTES DE SEMENTES COM DIFERENTES NÍVEIS DE QUALIDADE FISIOLÓGICA

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. Caatinga

DATA DE PUBLICAÇÃO

2015-09

RESUMO

RESUMO: O objetivo deste trabalho foi identificar as relações entre as variáveis morfológicas e produtivas das plantas de pimentão provenientes de sementes com diferentes níveis de qualidade fisiológica. Os experimentos foram conduzidos em ambiente protegido na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), no delineamento blocos ao acaso, com oito repetições. Os tratamentos consistiram de três lotes de sementes do híbrido Tiberius e um lote da cultivar Rubi Giant nas estações de cultivo primavera-verão e outono-inverno, com diferentes níveis de qualidade fisiológica com base nos testes de germinação e vigor. Foram mensurados os seguintes caracteres (variáveis): altura de planta; altura da primeira bifurcação; diâmetro do caule; diâmetro do caule abaixo da primeira bifurcação aos 50, 70 e 90 dias após o transplantio; peso médio de frutos; produção média de frutos por colheita; produção total; comprimento médio de frutos; e largura média de frutos. A seguir, para cada nível de vigor, foi estimada a matriz de correlação de Pearson, o diagnóstico da multicolinearidade e, posteriormente, a análise de trilha, considerando a produção total de frutos como variável principal. As plantas obtidas a partir de sementes de vigor alto, médio e baixo, com maior diâmetro da primeira bifurcação aos 50 e 90 dias após o transplantio, são mais produtivas na estação de cultivo primavera-verão. No outono-inverno foram verificados coeficientes de correlação e efeitos diretos de baixa magnitude para todos os níveis de vigor, indicando fraca relação de causa e efeito das variáveis explicativas mensuradas sobre a produção total de frutos de pimentão.

ASSUNTO(S)

capsicum annuum l análise de trilha vigor rendimento.

Documentos Relacionados

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo