Qual orientação terapêutica farmacológica para abscesso oral na puérpera?

DATA DE PUBLICAÇÃO

01/04/2019

RESUMO

A melhor opção de antibiótico para puérpera durante a lactação são os antibióticos mais empregados em odontologia, como as penicilinas, a eritromicina e a clindamicina, que são excretados no leite materno em baixas concentrações(1). Sendo que seu uso é compatível com o aleitamento materno (1,2).
Dentre as outras categorias de fármacos, a dipirona sódica é um analgésico seguro para o controle da dor leve a moderada durante a lactação, da mesma forma que o paracetamol.
A aspirina deve ser evitada por interferir na agregação plaquetária e pelo risco associado à síndrome de Reye (1).
O ibuprofeno, o diclofenaco e o cetorolaco podem ser empregados em lactantes para o controle da dor e de edemas de maior intensidade, da mesma forma que os corticosteroides (dexametasona ou betametasona) (1).

ASSUNTO(S)

abscesso periodontal/tratamento farmacológico gravidez complicações infecciosas na gravidez/tratamento farmacológico

Documentos Relacionados