Qual o curativo ideal nos casos de Erisipela bolhosa ?

DATA DE PUBLICAÇÃO

09/11/2017

RESUMO

Nas formas de erisipela bolhosa a evolução pode ser mais lenta, sendo necessário, em média, 20 dias para a completa repitelização ser atingida (1). Nos casos em que a ferida apresente exsudato (nenhum ou baixo), utilizar umidificantes (hidrocolóide, hidrogel). Para os casos de feridas secas ou exsudativas utilizar desbridantes (papaína 6 a 4% esfacelo; 2% tecido de granulação). E para casos de tecido desvitalizado utilizar colagenase fibrase.(2).

ASSUNTO(S)

sobrepeso erisipela/terapia bandagens/22074

Documentos Relacionados