Prevalência e fatores de risco associados à sibilância no primeiro ano de vida

AUTOR(ES)
FONTE

J. Pediatr. (Rio J.)

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-04

RESUMO

OBJETIVO: verificar a prevalência e fatores de risco associados à sibilância em lactentes no primeiro ano de vida.MÉTODOS: estudo transversal, onde foi aplicado o questionário padronizado e validado (Estudio Internacional de Sibilancias en Lactantes-EISL) aos pais de lactentes com idade entre 12 e 15 meses que procuraram 26 das 85 unidades de atenção básica, no período 2006 a 2007. A variável dependente, sibilância, foi definida utilizando os seguintes padrões: ocasional (até dois episódios de sibilância) e recorrente (três ou mais episódios). As variáveis independentes foram apresentadas usando distribuição de frequências, utilizadas para comparar os grupos. As medidas de associações foram baseadas em razão de chances (odds ratio-OR), com intervalo de confiança de 95% (IC95%), com análise bivariada, seguida de análise multivariada (OR ajustada).RESULTADOS: um total de 1.029 (37,7%) lactentes apresentou sibilância nos primeiros 12 meses de vida e destes, 16,2% tiveram sibilância recorrente. Os principais fatores de risco associados à sibilância foram: história familiar de asma (ORa = 2,12; IC95%: 1,76-2,54); seis ou mais episódios de resfriado (ORa = 2,38; IC95%: 1,91-2,97) e pneumonia (ORa = 3,02; IC95%: 2,43-3,76) e sibilância recorrente foram: asma na família (ORa = 1,73; IC95%: 1,22-2,46); início precoce de sibilância (ORa = 1,83; IC95%: 1,75-3,75); sintomas noturnos (ORa = 2,56; IC95%: 1,75-3,75); mais de 6 resfriados (ORa = 1,83; IC95%: 1,75-3,75)CONCLUSÃO: os principais fatores de risco associados à sibilância foram as infecções respiratórias e história de asma na família. Conhecer os fatores de risco dessa enfermidade deve ser uma prioridade para a saúde pública, que poderá desenvolver estratégias de controle e tratamento.

ASSUNTO(S)

prevalência fatores de risco estudos transversais lactente

Documentos Relacionados

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo