Perfil proteômico hipocampal em epilepsia do lobo temporal

AUTOR(ES)
FONTE

J. epilepsy clin. neurophysiol.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2012

RESUMO

No presente estudo empregou-se o método de proteômica para obter a expressão diferencial de proteínas em hipocampo de pacientes com epilepsia do lobo temporal (ELT) (N=6) comparado a hipocampos controle obtidos por meio de autópsia (N=6). O estudo foi feito por meio de eletroforese bidimensional, acoplada a HPLC e espectroscopia de massa. As proteínas que tiveram expressão aumentada no hipocampo de pacientes com ELT foram: isoforma-1 da soroalbumina, HSP70, diidropirimidinase-2, isoforma-1 da proteína básica da mielina, subunidade catalítica A da próton ATPase, glutationa S-transferase P, proteína DJ-1 (PARK7), e resíduo diidropolilisina do componente acetil-transferase do complexo da piruvato desidrogenase. A expressão da isoforma-3 da cadeia alfa da espectrina (fodrina) foi menor no hipocampo de pacientes com epilepsia do lobo temporal e as proteínas glutationa S-transferase P e PARK7 foram detectadas somente no tecido epiléptico. Assim, nossos resultados trazem evidencias sobre a direta relação entre distúrbio metabólico e dano oxidativo na patofisiologia da ELT. Além disto, o estudo indica biomarcadores para futuras investigações como alvos terapêuticos para epilepsia.

ASSUNTO(S)

epilepsia do lobo temporal hipocampo proteômica biomarcadores

Documentos Relacionados

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo

Uma Monografia Pronta em 5 Passos? Veja como isso é possível AGORA! Seu TCC é uma Monografia?… hum… como é que eu vou te dizer isso… o gato subiu no telhado… Tô Brincando! Mas eu tenho uma boa e uma má notícia para te dar. Qual você quer primeiro?… bom, não vai dar para esperar você responder, então, vou começar pela ruim mesmo: a monografia é o modelo de TCC que mais tem volume de conteúdo, principalmente se a gente comparar com um artigo científico, por exemplo. Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo