PERCEPÇÃO DE ESTUDANTES, PROFISSIONAIS E COORDENADORES DE GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO FÍSICA SOBRE O RUÍDO EM SUA PROFISSÃO.

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2005

RESUMO

The main goal of this study was to determine the perceptions of college physical education students, physical education professionals and undergraduate physical education program coordinators regarding noise in their profession. The study population was composed of 30 students, 30 professionals, and 5 undergraduate program coordinators in Physical Education from universities in Santa Catarina, Brazil. Two questionnaires were developed. The first was geared towards students and Physical Education professionals, and included questions regarding noise exposure, its effects on the vocal and auditory health, the interaction between these issues and their professional practice and the coverage of these topics in their undergraduate courses. The second questionnaire was geared towards undergraduate program coordinators and gathered information about the occupational conditions of student and professionals of Physical Education, and noise and health contents in the Physical Education undergraduate curriculum. The results of the research showed that noise exposure at work was considered moderate by 60% of the students and loud by 60% of the professionals. Twenty six percent of the students and professionals indicated that the gymnastic class in fitness academies was the noisiest activity in their profession, followed by the Physical Education class in schools, with 18,3%. The most frequently suggested noise control measures were lowering of the music volume during classes (25,0%) and the acoustic treatment at work places (20,0%). Among students and professionals, 28,3% complained of tinnitus, 51,6% complained of annoyance, and 43,3% complained of discomfort. Altered vocal quality was reported by 13,3% of the students and by 46,7% of the professionals. Sixteen percent of the students and 26,7% of the professionals complained of hearing difficulties. Although 16,7% of students were aware of vocal exercises only 3,3% used them. Amongst professionals, 20% reported to know these exercises or techniques, however only 10% use them in their work. Sixty percent of the undergraduate program coordinators reported that professionals in this area rarely make use of preventive exercises, even after receiving information about it. According to 73,3% of the students and 82,5% of the professionals, undergraduate courses did not offer instruction about noise and its implications for the auditory and vocal health. Amongst the coordinators, 60% reported that this kind of content is not provided by the courses; however 80% of them considered it extremely important to teach this knowledge. This study demonstrated the perceptions that students and professionals of Physical Education have regarding noise, their associated health complaints, and the lack of knowledge or use of preventive measures. Moreover, it indicated there is a lack of information on the issue of noise in Physical Education undergraduate programs although the need for this information is recognized.

ASSUNTO(S)

audiologia ruído distúrbios da comunicação estudantes educação física fonoaudiologia

Documentos Relacionados

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo