Os litores da nossa burguesia: o MÃdia sem MÃscara em atuaÃÃo partidÃria (2002-2011) / The lictors of our bourgeoisie: the MÃdia Sem MÃscara in partisan action (2002-2011)

AUTOR(ES)
FONTE

IBICT - Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia

DATA DE PUBLICAÇÃO

29/03/2012

RESUMO

Investigamos nesta dissertaÃÃo a atuaÃÃo partidÃria do grupo organizado em torno do website MÃdia Sem MÃscara (www.midiasemmascara.org) entre os anos de 2002 e 2011. Ele se constitui em 2002, no contexto das eleiÃÃes presidenciais que elegeram Luiz InÃcio Lula da Silva, do Partido dos Trabalhadores, apresentando-se como um observatÃrio de imprensa, sob a responsabilidade de seu principal organizador Olavo de Carvalho. Este propunha atravÃs do MÃdia Sem MÃscara agrupar uma sÃrie de intelectuais de direita em torno de um componente ideolÃgico: o anticomunismo. ApÃs aquela eleiÃÃo houve rÃpida ascensÃo anticomunista na mÃdia brasileira, elemento de pressÃo sobre o Partido dos Trabalhadores para que cumprisse os compromissos assumidos com a burguesia e o imperialismo. ExplicaÃÃo que nÃo à suficiente para caracterizar o avanÃo de um movimento organizado de tipo fascista, que iremos analisar atravÃs dos limites do ultraliberalismo como projeto histÃrico-social, incapaz de solucionar as crises do capital-imperialismo. Nesta conjuntura o anticomunismo serviu como base ideolÃgica comum para o âespectroâ fascista da sociedade, um movimento organizador visando o acirramento da luta de classes. O MÃdia Sem MÃscara partiu destas bases militando por um projeto fascista â ainda nÃo plenamente desenvolvido, jà que determinado pela conjuntura. O fascismo à compreendido aqui como um fenÃmeno nascido com o imperialismo, cuja funÃÃo polÃtica e social primÃria à o de reorganizar o bloco no poder de maneira brutal durante a crise aberta, para a manutenÃÃo e reproduÃÃo da sociedade de classes â o que denota seu carÃter de luta aberta contra a classe trabalhadora e suas organizaÃÃes, de maneira geral contra qualquer avanÃo conquistado pelas classes exploradas. Isto nÃo significa que qualquer crise abre caminho para a alternativa fascista, mas à pela perspectiva de ruptura institucional que os movimentos fascistas contemporÃneos organizam-se. Esta à uma das prerrogativas do que podemos chamar de terceira âondaâ fascista, ideologicamente distinta das anteriores pela aceitaÃÃo dos pressupostos econÃmicos ultraliberais e organizativamente pela Ãnfase na formaÃÃo de redes extrapartidÃrias. Iremos abordar nesta dissertaÃÃo: a relaÃÃo da histÃria imediata com a academia; a produÃÃo do conhecimento histÃrico e a questÃo da verdade histÃrica; os desenvolvimentos qualitativos do capitalismo no sÃculo passado; o desenvolvimento da internet como parte da ampliaÃÃo das formas de reproduÃÃo do capital; a instalaÃÃo da internet no Brasil; os movimentos fascistas em suas transformaÃÃes; a trajetÃria pÃblica de Olavo de Carvalho; a constituiÃÃo e afirmaÃÃo do MÃdia Sem MÃscara; sua organizaÃÃo; peculiaridade discursiva; formas de atuaÃÃo para propaganda, cooptaÃÃo e formaÃÃo de seus leitores-militantes atravÃs da internet; os grupos sociais aos quais dirigem-se; sua rede extrapartidÃria; e suas premissas ideolÃgicas, enfatizando a especificidade de seu anticomunismo (o anticomunismo contra Gramsci).

ASSUNTO(S)

mÃdia sem mÃscara olavo de carvalho fascismo anticomunismo histÃria imediata mÃdia sem mÃscara olavo de carvalho fascism anticommunism immediate history historia

Documentos Relacionados

TCC Pronto e Gratuito? Sério mesmo? Você acredita em almoço de graça? Comprar um TCC Pronto? Fazer o Próprio TCC? Você ainda tem dúvidas como essas? Você PRECISA ver este Artigo com Urgência! Neste artigo você encontrará: TCC Pronto e Gratuito Comprar TCC Pronto É só me corrigir se eu estiver errado, mas as pessoas Adoram Atalhos, certo? O problema é que, muitas vezes, ATALHOS São ARMADILHAS DISFARÇADAS. Então, se você quer Fugir das Armadilhas e quer saber a Verdade sobre TCC Pronto, TCC Pronto e Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo