Organogênese in vitro em feijão guandu (Cajanus cajan (L.) Millsp.) / In vitro organogenesis in the pigeon pea (Cajanus cajan (L.) Millsp.)

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2009

RESUMO

O presente estudo objetivou avaliar os efeitos dos reguladores de crescimento BAP e TDZ na indução de brotações adventícias de feijão guandu (cultivares "Anão" e "Fava Larga") a partir de embriões zigóticos e segmentos de epicótilo de plântulas germinadas in vitro. Na indução de brotações a partir de eixos embrionários, ao final de 30 dias de cultivo foram avaliados o percentual de calejamento, o número de raízes e brotações formadas em ambas as extremidades (proximal e distal) bem como a presença de contaminação e de explantes sem reposta. A formação de raízes se manteve restrita aos explantes cultivados em meio MSØ e na extremidade proximal. Nos explantes cultivados em meio MS acrescido de citocininas, de maneira geral, independente da concentração de BAP e, ou, TDZ testadas, observou-se intensa formação de calo na extremidade proximal. Em ambos os cultivares o meio de cultura suplementado com a combinação de BAP e TDZ nas concentrações de 4,44 μM e 2,27 μM respectivamente, possibilitou a formação de maior número de brotações por explante na extremidade distal, mas essas apresentaram tamanho reduzido. Apesar de haver formação de menor número de brotações nos explantes cultivados em meios acrescidos de apenas BAP (2,22 μM) ou TDZ (2,27 μM), essas apresentaram folhas mais expandidas e aspecto vigoroso. Na indução de brotações a partir de segmentos de epicótilo obtidos assepticamente de plântulas com 7 dias de idade, avaliou-se ao final de 32 dias de cultivo o número de raízes e de brotações formadas em ambas as extremidades. A intensidade, coloração e textura dos calos foram avaliadas visualmente e descritas de forma geral. Novamente, a formação de raízes foi observada no extremo basal dos explantes cultivados em meio MSØ sendo que, na presença de AgNO3, observou-se a formação de maior número de raízes por explante comparado ao meio controle sem AgNO3. Em ambos os cultivares e em ambas as extremidades dos explantes, o meio acrescido da combinação das duas citocininas (2,22 μM de BAP e 2,27 μM de TDZ) possibilitou a formação de calos visualmente maiores, sendo que na presença de AgNO3 a formação de calo foi menor. As brotações se restringiram ao extremo basal dos explantes cultivados em meio acrescido de citocininas e AgNO3, sendo que esta combinação possibilitou a formação de maior número de brotações. Seções histológicas revelaram a origem adventícia das brotações via organogênese direta nos explantes embrionários e via indireta nos explantes do epicótilo. Conclui-se que a utilização do eixo embrionário, segmentos de epicótilo e das citocininas BAP e TDZ na indução de brotações adventícias de feijão guandu cvs. "Anão" e "Fava Larga" é promissora; a utilização de AgNO3 se faz necessário para a indução de brotações a partir de segmentos de epicótilo; e embora a adição de precursores bem como a mensuração dos níveis de etileno não tenham sido realizados, as respostas obtidas no presente estudo podem estar relacionadas ao efeito deste hormônio. Os resultados obtidos neste trabalho fornecem subsídeos a estudos complementares, necessários para o aperfeiçoamento da eficiência de regeneração in vitro de feijão guandu, bem como das fases de alongamento e aclimatização ex vitro.

ASSUNTO(S)

organogênese feijão guandu melhoramento vegetal organogenesis pigeon pea

Documentos Relacionados

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Se o seu (des)orientador pediu para você fazer os Resultados e Discussão no TCC, mas não te explicou o que é isso e nem mostrou Como Fazer, este artigo é para você! Você quer Aprender Definitivamente O Que São e Como Fazer os Resultados e Discussão no seu TCC, não quer? Então, você tem que dar uma olhada no VÍDEO deste artigo. Aprenda de maneira Rápida e Definitiva Como Fazer os Resultados e Discussão no TCC, com exemplos Simples e Objetivos para trabalhos com Pesquisa de Campo Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo