Migração vertical diurna de Cladocera em um compartimento de um reservatório tropical

AUTOR(ES)
FONTE

Acta Limnol. Bras.

DATA DE PUBLICAÇÃO

14/11/2018

RESUMO

Resumo Objetivo Este estudo procura analisar o padrão de migração vertical das espécies de Cladocera e relacionar com os parâmetros físicos e químicos da água. Métodos As amostragens foram realizadas em intervalos de três horas por um período de 24 h no dia 15 de janeiro de 2014 no compartimento do rio Sapucaí, reservatório de Furnas, Minas Gerais, Brasil. Estas amostras foram coletadas em cinco profundidades, da superfície ao fundo (0, 2, 4, 6, 8 e 9 m), totalizando 54 amostragens para cada variável limnológica (temperatura, pH, oxigênio dissolvido, condutividade elétrica, teor de clorofila-a, índice de estado trófico, transparência da água e Cladocera). As amostragens foram realizadas na região limnética em um ponto com profundidade total de 9 metros. Resultados As estratificações térmicas e químicas da coluna de água e as ocorrências da termoclina foram registradas no meio do dia. Entre as 14 espécies de Cladocera, apenas Ceriodaphnia cornuta e C. silvestrii apresentaram um padrão de migração significativo, principalmente relacionado às concentrações de clorofila a e oxigênio dissolvido. Diaphanosoma birgei e D. spinulosum foram encontrados em altas densidades na superfície e meio da coluna d'água. A migração de Diaphanosoma spp foi diretamente relacionada à concentração de clorofila a e pH, que atuaram como um fator limitante. A alimentação em altas temperaturas na camada superficial e a assimilação nas camadas mais profundas podem conferir vantagens metabólicas às espécies migratórias verticais. Conclusões Neste estudo, um padrão bem definido de migração vertical foi encontrado para duas espécies de Cladocera e suas possíveis causas foram hipotetizadas. Para espécies com menor capacidade locomotora, as estratificações térmicas e químicas da água podem ter atuado como uma barreira à migração e distribuição através da coluna d'água. Este padrão pode provavelmente ser encontrado para espécies zooplanctônicas em outros compartimentos do reservatório de Furnas, com propriedades físicas e químicas semelhantes.

ASSUNTO(S)

variação nictemeral zooplâncton furnas estratificação

Documentos Relacionados

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo