Merleau-Ponty e a crise da razão

AUTOR(ES)
FONTE

IBICT - Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia

DATA DE PUBLICAÇÃO

28/03/2011

RESUMO

Este trabalho parte de uma leitura da filosofia de Merleau-Ponty centrada na nocao de Crise da Razao, fundamentando-se no pressuposto de que se trata de um conceito fundamental da fenomenologia contemporanea. No pensamento cartesiano, ja era possivel encontrar a ideia de crise, porem, tratava-se da constatacao de uma crise das ciencias. Algo semelhante havia tambem em Valery, especialmente ao se falar de uma crise do espirito. A novidade de Husserl estava justamente em mostrar que a crise, tal como ele a vivia, era mais profunda, abalava a propria Razao. Este trabalho assume a tarefa de mostrar que, nao se limitando a uma crise das ciencias, do espirito ou da propria Razao, Merleau-Ponty discute uma crise presente no proprio homem, ou antes, nos diversos pontos de vista que se tem a seu respeito. E neste sentido que o seu projeto filosofico se fundamenta, em primeiro lugar, na tentativa de estabelecer um dialogo entre os pontos de vista da filosofia e da ciencia. Por conseguinte, justifica-se uma investigacao da divergencia destes pontos, procurando elucidar nao so o cenario no qual o conflito se encontra, mas tambem a sua genese. Do mesmo modo, partindo de uma compreensao merleau-pontiana da crise, por fim, este trabalho assume tambem a tarefa de se indagar acerca da repercussao desta mesma crise na relacao do saber filosofico consigo mesmo, logo, no modo da propria filosofia entender a sua historia, estando, pois, a importancia desta incursao no ensejo de explicitar o que, para Merleau- Ponty, seria uma possivel via de superacao.

ASSUNTO(S)

filosofia francesa merleau-ponty, maurice, 1908- 1961 fenomenologia filosofia french philosophy maurice merleau-ponty phenomenology

Documentos Relacionados

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo