Hepatic stereology of schistosomiasis mansoni infected-mice fed a high-fat diet

AUTOR(ES)
FONTE

Memórias do Instituto Oswaldo Cruz

DATA DE PUBLICAÇÃO

2006-10

RESUMO

High-fat diets induce weight gain and fatty liver in wild-type mice. Schistosomiasis mansoni infection also promotes hepatic injury. This study was designed to quantify hepatic alterations in schistosomiasis mansoni-infected mice fed a high fat-rich chow compared to mice fed a standard rodent chow, using stereology. Female SW mice fed each either high-fat diet (29% lipids) or standard chow (12% lipids) over 8 months, and then were infected with Schistosoma mansoni cercariae. Four experimental groups were studied: infected mice fed a high-fat diet (IHFC) or standard chow (ISC), uninfected mice fed a high-fat diet (HFC) or standard chow (SC). Mice were sacrificed during early infection (9 weeks from exposure). The following hepatic biometry and the stereology parameters were determined: volume density (hepatocytes [h], sinusoids [s], steatosis [st] and hepatic fibrosis [hf]); numerical density (hepatocyte nuclei - Nv[h]); absolute number of total hepatocyte N[h], normal hepatocyte N[nh], and binucleated hepatocyte N[bh], percentage of normal hepatocyte P[nh] and binucleated hepatocyte P[bh]. IHFC and HFC groups exhibited TC, HDL-C, LDL-C, and body mass significantly greater (p < 0.05) than control group. No significant differences were found regards liver volume (p = 0.07). Significant differences were observed regards P[nh] (p = 0.0045), P[bh] (p = 0.0045), Nv[h] (p = 0.0006), N[h] (p = 0.0125), N[bh] (p = 0.0164) and N[nh] (p = 0.0078). IHFC mice group presented 29% of binucleated hepatocytes compared to HFC group (19%), ISC group (17%) and SC (6%). Volume density was significantly different between groups: Vv[h] (p = 0.0052), Vv[s] (p = 0.0025), Vv[st] (p = 0.0004), and Vv[hf] (p = 0.0007). In conclusion, schistosomiasis mansoni infection with concurrent high-fat diet promotes intensive quantitative changes in hepatic structure, contributing to an increasing on hepatic regeneration.

Documentos Relacionados

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo