HELICOBACTER PYLORI INFECTION AND GASTRIC CANCER PRECURSOR LESIONS: PREVALENCE AND ASSOCIATED FACTORS IN A REFERENCE LABORATORY IN SOUTHEASTERN BRAZIL

AUTOR(ES)
FONTE

Arq. Gastroenterol.

DATA DE PUBLICAÇÃO

28/11/2019

RESUMO

RESUMO CONTEXTO: A infecção por Helicobacter pylori é o fator de risco mais importante para atrofia gástrica e metaplasia intestinal, ambas consideradas lesões precursoras do câncer gástrico. Portanto, a investigação da ocorrência de infecção por H. pylori, das lesões precursoras e dos fatores associados orienta a adoção de estratégias específicas para o controle deste tipo de câncer. OBJETIVO: Avaliar a prevalência de infecção por H. pylori em pacientes submetidos à endoscopia digestiva alta, bem como a prevalência de metaplasia intestinal, atrofia e inflamação crônica e a associação destas com a infecção por H. pylori. MÉTODOS: Foi realizado um estudo retrospectivo com base em laudos de biópsias endoscópicas gástricas realizadas em laboratório privado afiliado ao Sistema Único de Saúde (SUS). Os pacientes foram avaliados quanto à idade, sexo e tipo de serviço de saúde. As amostras foram avaliadas quanto à presença de H. pylori e também de inflamação crônica, metaplasia intestinal e atrofia glandular. RESULTADOS: Do total de 4.604 pacientes (idade média de 51±16,6), 63,9% eram do sexo feminino e 63,1% provenientes de serviços de saúde privado. A prevalência de infecção por H. pylori foi de 31,7% (n=1.459) e o percentual de infecção foi significativamente maior nos pacientes do serviço público de saúde (42,0%) em relação aos pacientes do serviço privado de saúde (25,6%). Entre os pacientes com H. pylori (+), foi observado maior percentual de metaplasia intestinal (17,7% vs 13,3%) e atrofia glandular (17,6% vs 6,9%) quando comparados aos H. pylori (-) (P<0,01). Dos pacientes H. pylori (+) com pelo menos um tipo de lesão precursora (n=418), 161 (38,5%) apresentaram metaplasia e inflamação crônica, 160 (38,3%) apresentaram atrofia e inflamação crônica e, finalmente, 97 (23,2%) apresentaram metaplasia, atrofia e inflamação crônica simultaneamente. CONCLUSÃO: O presente estudo reforça a associação da infecção por H. pylori com lesões precursoras de câncer gástrico em uma população brasileira, enfatizando a importância de medidas de prevenção de infecção, bem como o tratamento de pacientes infectados, principalmente em regiões com níveis socioeconômicos mais baixos que apresentam maior prevalência de infecção por H. pylori.ABSTRACT BACKGROUND: Helicobacter pylori infection is the most important risk factor for gastric atrophy and intestinal metaplasia, both considered gastric cancer precursor lesions. Therefore, the investigation of the occurrence of H. pylori infection, precursor lesions and associated factors guides the adoption of specific strategies for the control this type of cancer. OBJECTIVE: To evaluate the prevalence of H. pylori infection in patients undergoing upper digestive endoscopy, as well as the prevalence of intestinal metaplasia, atrophy and chronic inflammation and their association with H. pylori infection. METHODS: A retrospective study was performed based on reports of gastric endoscopic biopsies performed in a private laboratory affiliated to the Brazilian Public Health System (SUS). Patients were evaluated for age, gender and type of health service. The samples were evaluated for the presence of H. pylori, and also of chronic inflammation, intestinal metaplasia and glandular atrophy. RESULTS: Of a total of 4,604 patients (mean age 51±16.6), 63.9% were female and 63.1% coming from private health care service. The prevalence of H. pylori infection was 31.7% (n=1,459), and the percentage of infection was significantly higher in patients from public health service (42.0%) in relation to patients from private health service (25.6%). Among H. pylori (+) patients, a higher percentage of intestinal metaplasia (17.7% vs 13.3%) and glandular atrophy (17.6% vs 6.9%) were observed when compared to those H. pylori (-) (P<0.01). From the patients H. pylori (+) with at least one type of precursor lesion (n=418), 161 (38.5%) had metaplasia and chronic inflammation, 160 (38.3%) had atrophy and chronic inflammation and finally 97 (23.2%) presented metaplasia, atrophy and chronic inflammation simultaneously. CONCLUSION: The present study reinforces the association of H. pylori infection with gastric cancer precursor lesions in a Brazilian population, emphasizing the importance of infection prevention measures, as well as the treatment of infected patients, especially in regions with lower socioeconomic levels that show a higher prevalence of infection by H. pylori.

Documentos Relacionados

Se o seu (des)orientador pediu para você fazer os Resultados e Discussão no TCC, mas não te explicou o que é isso e nem mostrou Como Fazer, este artigo é para você! Você quer Aprender Definitivamente O Que São e Como Fazer os Resultados e Discussão no seu TCC, não quer? Então, você tem que dar uma olhada no VÍDEO deste artigo. Aprenda de maneira Rápida e Definitiva Como Fazer os Resultados e Discussão no TCC, com exemplos Simples e Objetivos para trabalhos com Pesquisa de Campo Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Uma Monografia Pronta em 5 Passos? Veja como isso é possível AGORA! Seu TCC é uma Monografia?… hum… como é que eu vou te dizer isso… o gato subiu no telhado… Tô Brincando! Mas eu tenho uma boa e uma má notícia para te dar. Qual você quer primeiro?… bom, não vai dar para esperar você responder, então, vou começar pela ruim mesmo: a monografia é o modelo de TCC que mais tem volume de conteúdo, principalmente se a gente comparar com um artigo científico, por exemplo. Ler artigo