Fatores de risco para leishmaniose visceral em Belo Horizonte, Minas Gerais, 2006

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2006

RESUMO

Objetivou-se analisar os fatores de risco envolvidos na ocorrência de Leishmaniose Visceral (LV) em Belo Horizonte/MG, em 2006. Para tal, fez-se estudo de caso-controle por meio de entrevistas domiciliares, questionário semi-estrurado, registro de imagens do intra e peridomicílio e coleta de sangue canino. A amostra foi constituída por 82 casos humanos de LV ocorridos em 2004 e 164 controles (vizinhos da esquerda e da direita dos casos). As nove regionais administrativas de Belo Horizonte tiveram residências participantes no estudo, apesar desse não ter objetivado mapeamento geográfico da doença. A coleta de dados dos casos ocorreu com a participação de familiares, quando não foi possível fazê-la com os próprios acometidos. O material biológico coletado foi encaminhado para o laboratório de Leishmaniose da Escola de Veterinária da UFMG para realização de análises sorológicas (Ensaio Enzimático - ELISA e Reação de Imunofluorescência Indireta - RIFI). A população entrevistada se caracterizou por ser adulta, com discreto predomínio do sexo feminino. Notou-se maior acometimento da LV em crianças com idade inferior ou igual a 10 anos. Em relação às residências, os fatores de risco que se mostraram significativos foram: a existência de galinheiro, umidade, lixo, terrenos baldios, cultivo de plantas frutíferas e arborização ao redor do domicílio, além da presença de outros animais, tanto domésticos quanto silvestres, como roedores, pássaros e gatos. Devido ao baixo índice de soropositividade canina, a presença de cão na residência foi considerada sem significância estatística, o que sinaliza um controle efetivo dos animais soropositivos para LV em áreas com ocorrência de casos humanos da doença. A orientação das pessoas sobre as principais informações que abordam a doença mostrou potencial de proteção, sendo estimado um decréscimo no risco de ser acometido de 2,24 vezes para pessoas que detenham quaisquer conhecimentos sobre a LV.

ASSUNTO(S)

leishmaniose visceral epidemiologia belo horizonte (mg) teses leishmaniose visceral fatores de risco belo horizonte (mg) teses

Documentos Relacionados

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Se o seu (des)orientador pediu para você fazer os Resultados e Discussão no TCC, mas não te explicou o que é isso e nem mostrou Como Fazer, este artigo é para você! Você quer Aprender Definitivamente O Que São e Como Fazer os Resultados e Discussão no seu TCC, não quer? Então, você tem que dar uma olhada no VÍDEO deste artigo. Aprenda de maneira Rápida e Definitiva Como Fazer os Resultados e Discussão no TCC, com exemplos Simples e Objetivos para trabalhos com Pesquisa de Campo Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo