Exigência nutricional de sódio para frangos de corte de 1 a 21 dias de idade

AUTOR(ES)
FONTE

Revista Brasileira de Zootecnia

DATA DE PUBLICAÇÃO

2001-06

RESUMO

Com o objetivo de determinar as exigências em sódio para pintos de corte machos e fêmeas, durante a fase inicial, foram utilizados 800 pintos, sexados, da marca comercial Avian Farms, no período de 1 a 21 dias de idade, com peso médio inicial de 40,5 g, submetidos a uma dieta basal (3.000 kcal EM/kg e 21,1% de PB) deficiente em sódio (0,017%), suplementada com NaCl, correspondente aos níveis 0,077, 0,137, 0,197, 0,257 e 0,317% de sódio total. O delineamento utilizado foi o inteiramente casualizado, em arranjo fatorial 5x2 (níveis de sódio x sexo), com quatro repetições e 20 aves por unidade experimental. Foram avaliados o ganho de peso (GP), o consumo de ração (CR), a conversão alimentar (CA), o peso absoluto (PAA) e relativo (PRA) de adrenal, o rendimento (RC) e a matéria seca (MS) de carcaça, com as exigências estimadas por meio do modelo de regressão polinomial. Os níveis suplementares de sódio influenciaram GP, CR, CA e PRA, em ambos os sexos, não ocorrendo efeito significativo dos níveis estudados sobre PAA, RC e MS. Demonstrou-se que as avaliações biométricas (peso das adrenais) não são apropriadas para estudos de exigência, por causa do alto coeficiente de variação obtido no estudo. Com base nas características de desempenho, as exigências mínimas recomendadas de sódio, estimadas pelo modelo de regressão quadrática, foram de 0,256 e 0,255%, para machos e fêmeas, respectivamente.

ASSUNTO(S)

carcaça exigências nutricionais frango de corte glândula adrenal sódio sal

Documentos Relacionados

Se o seu (des)orientador pediu para você fazer os Resultados e Discussão no TCC, mas não te explicou o que é isso e nem mostrou Como Fazer, este artigo é para você! Você quer Aprender Definitivamente O Que São e Como Fazer os Resultados e Discussão no seu TCC, não quer? Então, você tem que dar uma olhada no VÍDEO deste artigo. Aprenda de maneira Rápida e Definitiva Como Fazer os Resultados e Discussão no TCC, com exemplos Simples e Objetivos para trabalhos com Pesquisa de Campo Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Uma Monografia Pronta em 5 Passos? Veja como isso é possível AGORA! Seu TCC é uma Monografia?… hum… como é que eu vou te dizer isso… o gato subiu no telhado… Tô Brincando! Mas eu tenho uma boa e uma má notícia para te dar. Qual você quer primeiro?… bom, não vai dar para esperar você responder, então, vou começar pela ruim mesmo: a monografia é o modelo de TCC que mais tem volume de conteúdo, principalmente se a gente comparar com um artigo científico, por exemplo. Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo