Estudo de bioequivalencia de duas formulações de omeprazol 20mg em voluntarios sadios de ambos os sexos

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2001

RESUMO

o presente trabalho tem por objetivo comparar a biodisponibilidade de duas preparações comerciais de comprimidos de omeprazol: Omeprazol da Medley S/A Indústria Farmacêutica, Brasil, como formulação teste, e [email protected] da Libbs Farmacêutica Ltda., Brasil, como formulação de referência, em vinte e quatro voluntários sadios de ambos os sexos, com idade entre 18 e 45 anos. Realizou-se um estudo aberto, randomizado e cruzado, com intervalo de uma semana entre as duas internações. Os voluntários receberam dose única de 20mg da formulação de omeprazol de cada laboratório durante cada internação. Foram colhidas amostras plasmáticas dos voluntários antes da administração de cada formulação e em intervalos padronizados, durante vinte e quatro horas. As amostras foram processadas e as concentrações plasmáticas de omeprazol foram determinadas pelo método de cromatografia líquida de alta eficiência acoplada ao espectrômetro de massas. A partir das curvas de concentração plasmática de omeprazol versus tempo, determinaram-se os seguintes parâmetros farmacocinéticos: área sob a curva (AUC), concentração plasmática máxima obtida (Cmax)e tempo para atingir a Cmax(Tmax).Foi calculada a média geométrica destes parâmetros e seus respectivos intervalos de confiança...Observação: O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital

ASSUNTO(S)

farmacocinetica medicamentos - biodisponibilidade

Documentos Relacionados