Estrutura de comunidades de Zygnematophyceae (Streptophyta) perifíticas em lagos urbanos do Brasil central (Goiânia, GO)

AUTOR(ES)
FONTE

Acta Limnol. Bras.

DATA DE PUBLICAÇÃO

14/11/2018

RESUMO

Resumo Objetivo Analisar a estrutura da comunidade de algas Zygnematophyceae no perifíton de nove lagos rasos urbanos eutróficos do Brasil central. Adicionalmente, foram comparados dois tipos de substratos, macrófitas e rochas, com a hipótese de que atributos da estrutura de comunidade (clorofila a; densidade, composição e riqueza de Zygnematophyceae) iriam diferir entre eles. Métodos A amostragem foi feita em agosto de 2014. O perifíton foi coletado de dois substratos diferentes, macrófitas (epifíton) e pequenos seixos (epilíton). Resultados Os lagos apresentaram pH variando de neutro e levemente ácido e condutividade elétrica em geral superior a 60 µS.cm-1. Zygnematophyceae contribuiu com 0,82% da densidade total do perifíton no epifíton e 0,02% no epilíton. Ao todo 49 táxons de Zygnematophyceae foram registrados, distribuídos em 13 gêneros. Com base na frequência de ocorrência, a maioria dos táxons foi classificada como rara, presente em menos de 25% dos lagos. Os táxons com maiores densidades foram Cosmarium regnesii var. regnesii, Cosmarium abbreviatum var. minus, e Mougeotia sp. 3. Quando cada lago foi considerado individualmente, outros táxons se destacaram como os mais abundantes entre as Zygnematophyceae. Foi o caso de Staurastrum smithii, Cosmarium exiguum, Mougeotia sp. 1 e Mougeotia sp. 2. Os dois lagos com maior densidade de Zygnematophyceae apresentaram similaridade superior a 70%; entretanto, entre os demais lagos, a similaridade foi relativamente baixa (<50%). Conclusões Os lagos eutróficos considerados neste estudo apresentaram elevada biomassa perifítica, mas baixa contribuição relativa de Zygnematophyceae. Os atributos do perifíton não apresentaram diferença significativa entre macrófitas e rochas. O tipo de substrato não foi um fator determinante para as algas Zygnematophyceae perifíticas nos lagos estudados.

ASSUNTO(S)

s: desmídias diversidade epilíton epifíton ambientes lênticos

Documentos Relacionados

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Uma Monografia Pronta em 5 Passos? Veja como isso é possível AGORA! Seu TCC é uma Monografia?… hum… como é que eu vou te dizer isso… o gato subiu no telhado… Tô Brincando! Mas eu tenho uma boa e uma má notícia para te dar. Qual você quer primeiro?… bom, não vai dar para esperar você responder, então, vou começar pela ruim mesmo: a monografia é o modelo de TCC que mais tem volume de conteúdo, principalmente se a gente comparar com um artigo científico, por exemplo. Ler artigo