Educação inclusiva: Por um devir minoritário em uma escola para todos

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2007

RESUMO

Este trabalho procura entender a constituição da escola inclusiva em suas relações com as forças sociais, políticas e econômicas que a atravessam e a compõem, bem como investigar as possibilidades de produção de novas formas de subjetivação suscitadas por essa proposta. Nesse sentido o espaço educacional é tomado em sua dimensão paradoxal, uma vez que é um espaço privilegiado tanto para a produção e invenção de pensamento, de aprendizagens e de formas de vida, quanto para a reprodução e repressão de formas de pensar e de existir. Engendrada nesse contexto, a escola inclusiva traz em si todos os paradoxos e conflitos suscitados na e pela oscilação das forças que estão em jogo nos processos de subjetivação na sociedade contemporânea. Assim sendo, no decorrer do trabalho, são apontadas algumas armadilhas que operam na constituição da escola inclusiva no sentido de manter as formas discriminadoras e classificatórias presentes na educação e na sociedade, bem como as possibilidades de resistência às formas excludentes e segregadoras trazidas por essa proposta. Para isso, o trabalho alia o método cartográfico com o pensamento de autores filiados à Filosofia da Diferença. Dessa forma são utilizados depoimentos de pessoas envolvidas com a proposta de inclusão, trechos de observação registrados em meu diário de campo, as formulações de Deleuze sobre literatura menor transpostas para o campo educacional e o conceito de corpo vibrátil construído por Suely Rolnik, dentre outros. Por fim, afirma-se o eixo que norteia a constituição da escola inclusiva uma escola para todos como um princípio potente no sentido de suscitar um devir minoritário nas escolas ao dissolver os dualismos e conflitos existentes entre as noções de normal/normal, homem/mulher, preto/branco, incluído/excluído

ASSUNTO(S)

psicologia contemporaneidade educacao inclusiva inclusão social contemporaneity escola inclusiva inclusive school social inclusion subjectivity subjetividade

Documentos Relacionados

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo