Diagnosis of cutaneous leishmaniasis and species discrimination of parasites by PCR and hybridization.

AUTOR(ES)
RESUMO

The aim of this study was to assess the efficacy of PCR methodology in establishing the diagnosis of cutaneous leishmaniasis in patients from areas of endemicity in Venezuela. Biopsies from 233 patients with cutaneous ulcers suggestive of leishmaniasis were analyzed by PCR, employing oligonucleotides directed against conserved regions of kinetoplast DNA (kDNA), and the PCR products were then hybridized to nonradioactively labeled, species-specific, cloned kDNA fragments. The ability of PCR to detect Leishmania cells was compared with those of the conventional methodologies: skin testing with killed promastigotes (Montenegro test), examination of Giemsa-stained biopsy smears, and in vitro culture of biopsy tissue. The PCR-hybridization technique detected the presence of Leishmania cells in 98% of patients clinically diagnosed as having leishmaniasis and also positive by the Montenegro skin test. In comparison, leishmania positivity was found in only 42% of cultures and 64% of biopsy smears. By hybridizing the PCR product to new kDNA probes specific for either Leishmania mexicana or Leishmania braziliensis, we found that both species are major causes of cutaneous leishmaniasis in Venezuela, and the species identification was confirmed by restriction enzyme analysis of kDNA from biopsy cultures. This work demonstrates that PCR coupled with hybridization is useful not only for the diagnosis of cutaneous leishmaniasis but also for the taxonomic discrimination essential for both epidemiology and therapy. This technique can be used to diagnose leishmaniasis in a country in which the disease is endemic and can perhaps be adapted for use in a rural clinic.

Documentos Relacionados

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo

Se você quer aprender Como Fazer Citações para o TCC de forma fácil e não ser acusado de plágio, então, recomendo fortemente que leia esse artigo até o final… E não se esqueça de assistir o vídeo logo abaixo! Imagina só… você fez todo o seu TCC, está aliviado, radiante, tirou um peso das costas… aí, PAH! Seu orientador diz que o seu trabalho tem Plágio e, por isso, vai ser reprovado. Não!!!! Aí vai uma notícia que talvez você não saiba, SE VOCÊ FEZ Ler artigo