Caracterização de plantas de cobertura por RMN: impactos nos teores de carbono, nitrogênio e fósforo sob sistemas de manejo

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. Ciênc. Agron.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014

RESUMO

O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da composição química de plantas de cobertura por RMN de 13C CPMAS no estado sólido sobre os estoques de C e N, bem como, razões C/N e C/P em Latossolo Vermelho-Amarelo sob preparo convencional e sistema plantio direto. Amostras de tecidos das plantas de cobertura Crotalaria juncea, Canavalia brasiliensis, Mucuna pruriens, e Raphanus sativus foram analisadas por RMN de 13C CPMAS no estado sólido. Amostras de solo para caracterização dos teores de C, N e P foram coletadas em duas épocas e nas camadas de 0-5 e 5-10 cm. A espécie Mucuna pruriens apresentou maiores concentrações de carbono do grupo de compostos aromáticos no tecido vegetal, refletindo uma menor decomposição desse material lignificado. Os estoques de carbono foram mais elevados na camada superficial no sistema plantio direto. Os incrementos da razão C/N no solo cultivado com Mucuna pruriens, na estação seca, resultaram da decomposição mais lenta dos resíduos vegetais que apresentaram maior concentração de compostos recalcitrantes (aromáticos) no tecido vegetal. A decomposição mais lenta do resíduo de Mucuna pruriens, principalmente, pela composição química com menor proporção de polissacarídeos em relação aos compostos aromáticos, também pode ter resultado nos valores de C/P mais elevados encontrados no solo cultivado com essa leguminosa. Os maiores valores de C/P na camada de 0-5 cm devem-se aos maiores teores de P (Mehlich-1) na camada de 5-10 cm (25 mg kg-1) e também à maior concentração de C na superfície do solo pelo acúmulo dos resíduos vegetais.

ASSUNTO(S)

cerrado ressonância magnética nuclear de 13c no estado sólido matéria orgânica intensificação ecológica

Documentos Relacionados

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo

Como fazer um TCC passo a passo – plágio e softwares de TCC? O que isso tem a ver com seu TCC? TUDO! Ou você não se importa em ouvir do seu orientador: “Seu trabalho tem plágio! Zero!” É… eu sei que você se importa. O problema é que muitos alunos morrem de medo do plágio, mas não sabem exatamente quando ele acontece. Definir o plágio é muito simples. Plágio é Roubar a Ideia do Outro. Simples assim. Quando você usa uma ideia, texto ou Ler artigo