Associação entre religiosidade e felicidade em pacientes com doença renal crônica em hemodiálise

AUTOR(ES)
FONTE

J. Bras. Nefrol.

DATA DE PUBLICAÇÃO

08/11/2018

RESUMO

Resumo Objetivos: Religiosidade/espiritualidade (R/E) parecem ser fatores relevantes na adaptação a doenças crônicas, mas faltam estudos nessa área envolvendo pacientes com doença renal crônica (DRC). O presente estudo teve como objetivo investigar a associação entre R/E e felicidade em pacientes com DRC em hemodiálise e se o senso de coerência (SC) faz a mediação dessa possível associação. Métodos: Estudo transversal realizado em dois centros de terapia renal substitutiva no Brasil com 161 adultos em hemodiálise. Regressões lineares foram utilizadas para avaliar a associação entre R/E (variável preditora medida pelo Índice de Religiosidade de Duke - DUREL) e felicidade (variável de desfecho), ajustadas para variáveis sociodemográficas, clínicas e algumas variáveis laboratoriais. Posteriormente, o SC foi acrescentado ao modelo para testar seu possível efeito mediador. Resultados: A maioria dos pacientes (91,20%) relatou alguma afiliação religiosa. Religiosidade Privada (RP) (β = 0,53; IC 95% = 0,01 a 1,06) e Religiosidade Intrínseca (RI) (β = 0,48; IC 95% = 0,18 a 0,79) e SC (β = 0,11; IC 95% = -0,09 a 0,15) foram correlacionadas a níveis mais elevados de felicidade após controle para variáveis clínicas e sociodemográficas. Quando SC foi incluído no modelo, IR (β = 0.34; 95% IC = 0.07 a 0.60) and SC (β = 0.11; 95% IC = 0.08 a 0.14) continuaram se correlacionando significativamente com felicidade. Nenhuma variável clínica ou sociodemográfica apresentou correlação com felicidade. Conclusões: Os pacientes em hemodiálise apresentaram altos níveis de R/E, que por sua vez foi correlacionada com elevados níveis de felicidade. As variáveis clínicas e sociodemográficas não exibiram correlação com a felicidade dos pacientes. Variáveis psicossociais como R/E e SC são possíveis alvos para intervenções destinadas a promover a melhora da qualidade de sobrevida dos pacientes com DRC.

ASSUNTO(S)

insuficiência renal crônica falência renal crônica diálise renal religião espiritualidade qualidade de vida

Documentos Relacionados

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

TCC Pronto e Gratuito? Sério mesmo? Você acredita em almoço de graça? Comprar um TCC Pronto? Fazer o Próprio TCC? Você ainda tem dúvidas como essas? Você PRECISA ver este Artigo com Urgência! Neste artigo você encontrará: TCC Pronto e Gratuito Comprar TCC Pronto É só me corrigir se eu estiver errado, mas as pessoas Adoram Atalhos, certo? O problema é que, muitas vezes, ATALHOS São ARMADILHAS DISFARÇADAS. Então, se você quer Fugir das Armadilhas e quer saber a Verdade sobre TCC Pronto, TCC Pronto e Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo