AssociaÃÃo entre a prevalÃncia de transtornos mentais comuns, em mulheres da Zona Da Mata/PE e variÃveis sociais, numa perspectiva de gÃnero

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2003

RESUMO

The prevalence of Common Mental Disorders (CMD) was determined among women between 15 and 49 years in the Sugarcane Plantation region of the state of Pernambuco by analyzing associations with human reproduction, social participation/production, and attitudes regarding gender roles, as well as the co-variables of schooling, marital situation, age group, literacy and school attendance. CMD are characterized by symptoms of insomnia, fatigue, irritability, forgetfulness, difficulty in concentration and somatic complaints. Women with a current or previous partner (1188) were analyzed. The women responded to the Womanâs Questionnaire and the Self Reporting Questionnaire/SRQ-20, for a multi-country study coordinated by the WHO, in 15 randomly selected municipalities in the sugarcane region. All those with positive SRQ-20 (7/8 cut-off point) were considered possible CMD cases. Social production was analyzed through access to the job market, distribution of financial responsibilities and personal assets; Social Participation was analyzed through whether or not the woman was part of a group/organization and interaction with relatives; Human Reproduction was analyzed through the number of children, the participation of a partner in family planning and the prevention of STD/AIDS; Attitudes Regarding Gender Roles was analyzed through whether or not the respondent agreed with statements concerning a role hierarchy between men and women, and other questions that reflected greater autonomy for women. The prevalence of CMD was 37%. In the univariate analysis, there was a significant association with illiteracy, not having attended school, having less than 8 years of schooling, not living with a partner or not having a sexual relationship, impediment from participating in groups/organizations (especially by the partner), meeting with relatives less than once a week, not possessing a home or domestic assets, having to refuse paid work because of a partnerâs insistence, a partnerâs refusal to contribute to the household expenses, a partner frequently taking the womanâs salary from her, not feeling capable of making the money to maintain the family alone, believing that a good wife obeys her husband, believing that the man should be the boss, believing that a wife has an obligation to maintain sexual relations with her partner, believing that a partner can beat her if: she refuses sexual relations, asks if he has other women or discovers that she has been unfaithful. After controlling the confounding factors, the following variables remained associated to CMD: possession of personal assets, having only up to 4 years of schooling, refusing work because of a partnerâs insistence, a partner not contributing toward the household expenses and a partner frequently taking the womanâs salary from her. The lack of autonomy and the power to make decisions identified in some of the social production variables was associated with a greater prevalence of CMD among the women studied. Despite agreement or disagreement with attitudes regarding gender roles not having been associated with CMD after controlling for confounders, attitudes and values that signify the submission of women to their husbands coexist with other aspects that reflect a rupture in this hierarchical relationship model. The study was important for being a pioneering study within the region where it was developed, allowing the delineation of a socioeconomic and mental health profile of women residing in the Sugarcane Plantation Zone of the state of Pernambuco

ASSUNTO(S)

transtornos mentais saude coletiva mulheres variÃveis sociais

Documentos Relacionados

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Se o seu (des)orientador pediu para você fazer os Resultados e Discussão no TCC, mas não te explicou o que é isso e nem mostrou Como Fazer, este artigo é para você! Você quer Aprender Definitivamente O Que São e Como Fazer os Resultados e Discussão no seu TCC, não quer? Então, você tem que dar uma olhada no VÍDEO deste artigo. Aprenda de maneira Rápida e Definitiva Como Fazer os Resultados e Discussão no TCC, com exemplos Simples e Objetivos para trabalhos com Pesquisa de Campo Ler artigo

Como fazer TCC? Nas últimas semanas tenho visto milhares de alunos com dificuldades, sem saber o que fazer, que simplesmente ficam parados na frente do computador e não conseguem escrever uma única palavra sequer. Neste texto, nós vamos ver como mudar essa situação de uma vez por todas! Alguns alunos me mandam e-mails perguntando Como Fazer TCC passo a passo. Bom, em primeiro lugar, essa é uma dificuldade muito comum, vivida por 99,9% dos alunos de faculdades no Brasil e no mundo! Os outros 0,01% Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo