Análise sobre a obra Latifúndio, Escravidão e Dependência Econômica de Ramiro Guerra

AUTOR(ES)
FONTE

Brazil. J. Polit. Econ.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2019-03

RESUMO

RESUMO Este trabalho tem como objetivo analisar a obra de Ramiro Guerra (Latifúndio, escravidão e dependência econômica), uma das suas principais obras que trata da região de Barbados localizada nas Pequenas Antilhas na América Central. Assim, a análise mostra como Ramiro Guerra desmistifica toda uma teoria em relação à substituição do trabalho do pequeno proprietário pela mão de obra barata do escravo. O mesmo autor ressalta que essa substituição não foi devido a uma questão de raças ou de clima ou até mesmo da superioridade da vontade humana. Mas, sim, devido a uma causa puramente social e econômica: a destruição da pequena propriedade pelo latifúndio açucareiro e pela conseguinte emigração de uma classe social que seria expulsa de forma “voluntária” devido à falta de trabalho. Dessa forma, a análise, de acordo com o pensamento de Guerra, enfatiza que não foi o clima antilhano que expulsou os servos brancos, mas sim a empresa açucareira capitalista que se instalaria na região, aniquilando a pequena propriedade e eliminando o cultivador independente e convertendo as comunidades robustas com vidas próprias em meras oficinas de trabalho com salários baixos, tudo em prol das metrópoles. E também as consequências desse comércio açucareiro em Cuba trazendo as mesmas consequências de destruição da pequena agricultura.ABSTRACT This work aims to analyze the work of Ramiro Guerra (Latifundia, slavery and economic dependence), one of his main works dealing with the region of Barbados located in the Lesser Antilles in Central America. Thus, the analysis shows how Ramiro Guerra demystifies a whole theory regarding the substitution of the work of the small owner for the cheap labor of the slave. The same author emphasizes that this substitution was not due to a question of races or of climate or even of the superiority of the human will. But due to a purely social and economic cause: the destruction of small property by the sugar estates and the consequent emigration of a social class that would be expelled in a “voluntary” way due to lack of work. Thus, according to Guerra’s analysis, the analysis emphasizes that it was not the Antillean climate that drove out the white servants but the capitalist sugar company that would settle in the region, annihilating the small property and eliminating the independent cultivator and converting the robust communities with their own lives in mere low-wage workshops, all for the benefit of metropolises. And also the consequences of this sugar trade in Cuba with the same consequences of the destruction of small-scale agriculture.

Documentos Relacionados

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Uma Monografia Pronta em 5 Passos? Veja como isso é possível AGORA! Seu TCC é uma Monografia?… hum… como é que eu vou te dizer isso… o gato subiu no telhado… Tô Brincando! Mas eu tenho uma boa e uma má notícia para te dar. Qual você quer primeiro?… bom, não vai dar para esperar você responder, então, vou começar pela ruim mesmo: a monografia é o modelo de TCC que mais tem volume de conteúdo, principalmente se a gente comparar com um artigo científico, por exemplo. Ler artigo

Para ter um TCC pronto, é preciso perder o medo. E se você está perdido ou se sentido incapaz, você precisa saber: A Culpa não é sua! Descubra Agora a Mentira que te venderam (por um tempo, eu também comprei…) Quem tem medo do TCC? Eu não sei você, mas, durante um bom tempo, eu tive muito! Eu me sentia perdido, sozinho e incapaz de fazer o meu trabalho. Eu tinha certeza de que nuca teria um TCC pronto. E se você acha que o Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo