A educação cívica na espanha: retrospectiva e perspectiva

AUTOR(ES)
FONTE

Hist. Educ.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-04

RESUMO

Todas as civilizações, no decorrer do tempo, têm considerado prioritário disseminar e preservar suas convicções políticas, sociais, religiosas e filosóficas. Nas sociedades contemporâneas, a educação cívica constitui-se num elemento fundamental do processo educativo e estabeleceu-se que cabe à instituição escolar ensinar atitudes e valores que capacitem as novas gerações a participar, como cidadãos, da democracia. Da mesma forma, deve-se ensinar as pessoas a atuarem com comportamentos responsáveis e de maneira respeitosa em relação ao outro, num mundo plural e diverso, no qual têm lugar todas as culturas e crenças. No sistema educativo espanhol incluiu-se a formação cívica em diferentes momentos e respondendo aos interesses ideológicos do Estado. A disciplina de Educação para a Cidadania existe como matéria regular em diversos países. Em 2004 o governo espanhol respaldou, assim como os demais governos, a resolução da Assembléia Geral das Nações Unidas que propunha a inclusão desses conteúdos no ensino obrigatório. A polêmica gerada por vários setores da população espanhola levou a objetar e judicializar esta matéria curricular, que foi censurada por supostamente doutrinar os estudantes. A partir de 2012 esta se transformou, produto da vontade política expressa pelas urnas, denominando-se Educação Cívica e Constitucional. Neste trabalho propõe-se analisar a trajetória da educação cívica no sistema escolar espanhol.

ASSUNTO(S)

educação cívica escolaridade história livros ideologia sociedade

Documentos Relacionados

Finalmente… a Conclusão do TCC em 3 Passos Simples! Se você disser que eu falei isso, eu nego, mas, para mim, a Conclusão do TCC deveria ter outro nome. Algo como: A Doce Arte de Encher Linguiça! Seus professores e orientadores podem até tentar te convencer do contrário. Podem usar inúmeros argumentos para te convencer de que a conclusão do TCC é um elemento fundamental, e, dependendo da retórica do seu professor, você até pode comprar essa bobagem como verdade. Mas se você conhece o Ler artigo

Uma Monografia Pronta em 5 Passos? Veja como isso é possível AGORA! Seu TCC é uma Monografia?… hum… como é que eu vou te dizer isso… o gato subiu no telhado… Tô Brincando! Mas eu tenho uma boa e uma má notícia para te dar. Qual você quer primeiro?… bom, não vai dar para esperar você responder, então, vou começar pela ruim mesmo: a monografia é o modelo de TCC que mais tem volume de conteúdo, principalmente se a gente comparar com um artigo científico, por exemplo. Ler artigo

Você sabe o que escrever na introdução do seu TCC? Você já parou na frente do seu computador sem ter a menor ideia sobre a introdução do seu TCC, o que escrever e por onde começar? Eu já passei por isso. E como eu não desejo essa situação para ninguém, é hora de resolver esse problema. Muita gente, mas muita gente mesmo me pergunta: “Amilton, o que eu devo escrever na Introdução do meu TCC?” Aí vai a resposta: A Introdução do seu TCC é Ler artigo

Um Artigo Científico Pronto em 5 Passos? Como? É exatamente isso que você vai ver aqui. Então, você tem que fazer um Artigo Científico? Esse é modelo do seu TCC? Pode abrir um leve sorriso, afinal, o Artigo Científico é o modelo que menos exige conteúdo de texto. Trocando em miúdos, é o menor dos trabalhos acadêmicos em termos de volume de texto. Assim como todos os demais Trabalhos Científicos e Acadêmicos, o Artigo Científico Pronto tem apenas 3 Elementos: Introdução, Desenvolvimento e Conclusão. E, antes Ler artigo

Que tal aprender, de uma vez por todas, como fazer uma Justificativa de TCC, aplicando a poderosa técnica do Roteiro de Consequências? É impressionante! O quê? A técnica do Roteiro de Consequências? Sim. Ela também. E você vai conhecer essa técnica no vídeo deste artigo e vai ver Como Fazer a Justificativa do TCC com base em 2 exemplos simples e práticos. Para você, finalmente, deixar a sua Justificativa de TCC pronta! Mas, primeiro, eu preciso dizer: É impressionante! Como a Justificativa é um ponto Ler artigo