Study of biodiesel photodegradation through reactions catalyzed by Fenton's reagent

AUTOR(ES)
FONTE

J. Braz. Chem. Soc.

DATA DE PUBLICAÇÃO

31/03/2014

RESUMO

A fotodegradação de biodiesel em contato com água, utilizando reação foto-Fenton, foi investigada neste estudo. Após 360 h de fotodegradação obteve-se uma redução de 73% dos ésteres metílicos de ácidos graxos (FAMEs) quantificados inicialmente por cromatografia em fase gasosa acoplada ao detector por ionização em chama (GC/FID). No decorrer da fotodegradação foram detectados picos para cetona e grupo epóxido nas cadeias alifáticas em análises por cromatografia em fase gasosa acoplada ao espectrômetro de massas (GC/MS), e deslocamentos típicos de aldeídos e ácidos graxos de cadeia curta em análises por espectroscopia de ressonância magnética nuclear de hidrogênio (¹H RMN). As análises de eco toxicidade usando como organismo teste Artemia salina evidenciaram componentes tóxicos na fase aquosa que aumentaram até 168 h de fotodegradação, apresentando decréscimo após este período.This study reports on the photodegradation of biodiesel in contact with water using the photo-Fenton reaction. After 360 h of photodegradation, we observed a reduction of 73% in the amount of fatty acid methyl esters (FAMEs) initially quantified by gas chromatography coupled with a flame ionization detector (GC/FID). During the photodegradation, peaks for ketones and epoxy groups in carbon chains were recorded by gas chromatography coupled with mass spectrometry (GC/MS), and typical aldehyde and short-chain fatty acid shifts in hydrogen nuclear magnetic resonance spectroscopy (¹H NMR) were observed. Ecotoxicity assays with Artemia salina revealed the presence of toxic components in the aqueous phase in increasing amounts up to 168 h of photodegradation and decreasing thereafter.

ASSUNTO(S)

exact and earth sciences

Documentos Relacionados