Sistema de ar condicionado com insuflamento pelo piso em ambientes de escritórios: avaliação do conforto térmico e condições de operação. / Underfloor air supply system applied to office buildings: thermal comfort and operational conditions evaluation.

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

2003

RESUMO

Desde a introdução do conceito de escritório aberto, o tipo de ocupação e a distribuição das cargas internas têm sofrido grandes mudanças, requerendo maior flexibilidade nos edifícios. Além disto, avaliações de desempenho de edifícios de escritórios da atualidade têm apresentado resultados que são fortes indicadores da necessidade de mudanças de conceitos de projeto, operação e uso de sistemas de condicionamento de ar, devido ao elevado nível de insatisfação dos usuários quanto ao conforto e à qualidade do ar. Para tentar solucionar estes problemas, outro conceito em distribuição de ar, já em uso nos países desenvolvidos, está começando a ser adotado também no Brasil; trata-se de insuflamento pelo piso, com difusores instalados em placas de piso elevado e nas estações de trabalho, que permitem flexibilidade e controle individual de vazão de ar. Neste trabalho foi feita a avaliação de sistema de condicionamento de ar com insuflamento pelo piso em um laboratório com condições controladas. O laboratório em que foram realizados os ensaios foi projetado e instalado com características similares àquelas de ambientes reais de edifícios de escritórios. Este fato, aliado à participação de usuários no processo de avaliação das condições de conforto térmico, tornaram possível a definição de parâmetros para a elaboração de projetos bem como para o estabelecimento de um modo eficaz de operação do sistema. O processo de avaliação das condições de conforto térmico no ambiente envolveu três etapas. Inicialmente, foram feitas medições das variáveis de conforto térmico no ambiente e de variáveis do sistema utilizando simuladores. Posteriormente, foi realizada a avaliação subjetiva do conforto térmico, com a substituição dos simuladores por pessoas no ambiente (usuários), nas mesmas condições da etapa anterior. Finalmente, foram feitas as medições das variáveis de conforto nas zonas de ocupação – micro climas – na condição de condicionamento individualizado, promovido por ajustes de vazão de ar e direcionamento do fluxo pelos usuários. Os resultados da avaliação permitem concluir que o sistema de condicionamento de ar com insuflamento pelo piso atende às expectativas para promover conforto térmico aos usuários de edifícios de escritórios com potencial de conservação de energia.

ASSUNTO(S)

conforto personalizado conservação de energia air conditioning conforto térmico individually controled thermal comfort energy saving insuflamento pelo piso underfloor air supply ar condicionado thermal comfort




Comentários