Quantitative genetic analysis for meat tenderness trait in Polled Nellore cattle

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. Ciênc. Agron.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-06

RESUMO

Objetivou-se analisar os inter-relacionamentos entre as variáveis, além de estimar as correlações genéticas entre os grupos de características de maciez (FC), crescimento (PI, PF e GPD) e carcaça (EG, P8 e AOL). Foi proposto também, identificar indivíduos que apresentem alta probabilidade de serem portadores de genes favoráveis à maciez. Analisou-se dados de 415 animais Nelore Mocho, filhos de touros representativos das principais linhagens Nelore, avaliados para características de crescimento, carcaça e maciez. Para análises de relacionamentos fenotípicos foram utilizadas análises de fatores e correlações canônicas. Os componentes de variância necessários à obtenção dos parâmetros genéticos foram estimados pelo método da Amostragem de Gibbs. Observou-se ausência de correlações fenotípicas entre FC e as outras características produtivas. As correlações genéticas entre FC e PI, PF, GPD, EG, P8 e AOL foram de baixa magnitude (-0,15; -0,18; -0,13; 0,10; -0,12 e 0,18). A seleção para a maciez não influenciará na seleção de outras características de interesse econômico e vice-versa, porém serão necessários mais estudos para melhor conhecimento sobre as relações genéticas da maciez e outras características produtivas em bovinos Nelore Mocho. A estimativa de herdabilidade para a característica FC foi de baixa magnitude (0,11 ± 0,022). Baseando-se no princípio da probabilidade de genes idênticos por descendência, identificou-se indivíduos com alta probabilidade de possuírem genes favoráveis à maciez. Posterior trabalho irá incluir a criação de uma população segregante a partir desses animais identificados, que irá servir como população experimental para posterior pesquisa de prospecção e identificação de genes para maciez da carne em bovinos Nelore Mocho.The aim of the present study was to analyze the interrelationships among the variables and also estimate the genetic correlations between tenderness (WBSF), growth (ILW, FLW and ADG) and carcass (BF, RF and LMA) features. Other purpose was to identify individuals who were more likely to be carriers of favorable genes for tenderness. Growth, carcass and tenderness data from 415 Polled Nellore animals was analyzed. Factor analysis and canonical correlations were used to analyze the phenotypic relationships. The covariance components and genetic parameters were estimated using Gibbs Sampling method. Lack of phenotypical correlations between the WBSF and the other traits were observed. The genetic correlations between WBSF and the other evaluated traits were of a low magnitude, with values of -0.15; -0.18; -0.13; 0.10; -0.12 and 0.18, between WBSF and ILW, FLW, ADG, BF, RF and LMA, respectively. The results support the conclusion that tenderness selection will not affect the selection of other economic traits and vice-versa, but for a better knowledge of the genetic relationships between meat tenderness and other traits for Polled Nellore more studies are required. The heritability estimated for WBSF was of a low magnitude (0.11 ± 0.022). Based on the principle of probability of identical genes by ancestry individuals who were more likely to be carriers of favorable genes for tenderness were identified. Further work will include creation of a segregating population that will serve as experimental material for future gene prospecting and identification research.

ASSUNTO(S)

agricultural sciences

Documentos Relacionados