Qualidade metodológica das revisões sistemáticas em periódicos de psicologia brasileiros

AUTOR(ES)
FONTE

Psic.: Teor. e Pesq.

DATA DE PUBLICAÇÃO

28/02/2014

RESUMO

Buscou-se avaliar a qualidade metodológica das revisões sistemáticas (RS) publicadas em periódicos brasileiros de psicologia. Foi conduzida uma RS nas bases PePSIC e SciELO, usando as palavras-chave: "revisão" e "sistemática". Foram identificados e analisados 33 artigos através do instrumento Assessment of Multiple Systematic Reviews (AMSTAR). A pontuação média das revisões foi 5,39 (em um escore que podia variar de 0 a 11). Houve diferença de qualidade entre as RS publicadas no SciELO e as que o foram no PePSIC, mas não foi observada diferença conforme o estrato do periódico, segundo o Qualis CAPES. Além disso, não verificou-se incremento na qualidade das publicações de 2001 a 2012. Sugere-se adoção de diretrizes por parte dos periódicos e dos autores de forma a melhorar a qualidade das RS no Brasil.The aim of this study is to measure the methodological quality of systematic reviews (SR) published in Brazilian psychology journals. It was conducted a SR in SciELO and PePSIC databases, using "review" and "systematic" as keywords. 33 articles were identified and analyzed using the Assessment of Multiple Systematic Reviews (AMSTAR). The mean value of quality was 5.39 (SD = 1.91) on a scale ranging from 0 to 11. Using criteria of Qualis CAPES, significant differences were found in the quality of RS published in SciELO compared to those published in PePSIC, but not according to the journal extract. No increase in quality was observed from 2001 to 2012. The adoption of guidelines for publication of SR is suggested, in order to improve their quality in Brazil.

ASSUNTO(S)

human sciences

Documentos Relacionados