Produção de conhecimento sobre narrativas orais: contribuições para as investigações em linguagem infantil

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. CEFAC

DATA DE PUBLICAÇÃO

31/01/2013

RESUMO

Este estudo tem como objetivo indicar um panorama geral sobre a produção de conhecimento no que tange os padrões para o desenvolvimento da narrativa oral, nos últimos quatro anos por meio de uma revisão bibliográfica sistematizada, voltada para a temática de intervenção em linguagem infantil, com o uso de narrativas orais. A revisão foi realizada em uma única etapa, com critérios específicos, utilizando os seguintes descritores: narrativas, narrativa, narrativas de crianças, linguagem e desenvolvimento, linguagem oral, habilidades linguísticas, linguagem falada, linguagem infantil, narração/narração de histórias e linguagem. O período considerado foi de 2007 a 2011. Foram obtidos 900 registros, dentre os quais, nove (1%) atenderam aos critérios estabelecidos para análise. A maioria dos estudos relacionou-se com análises psicolinguísticas. Apenas um estudo utilizou método experimental. No período considerado foram produzidos poucos estudos abordando narrativas orais infantis; a sua grande maioria levou em consideração, fundamentalmente, aspectos cognitivos e linguísticos no processo de desenvolvimento da habilidade narrativa; a grande maioria das pesquisas foi realizada com crianças que possuem algum tipo de alteração em seu desenvolvimento linguístico. Considera-se que a produção de conhecimento, em relação ao desenvolvimento de narrativas orais infantis, exige, atualmente, um olhar voltado para as intervenções que utilizem metodologia experimental. Por fim, considera-se que é necessária uma atenção maior em relação ao desenvolvimento típico da habilidade narrativa.The purpose of this study is to indicate an overview about knowledge production regarding the standards for the development of oral narrative in the past four years through a systematic literature review, focused on intervention thematic in child language, with the use of oral narratives. The review was held in a single step, with specific criteria, using the following descriptors: storytelling, narrative, children narratives, language and development, oral language, linguistics skills, spoken language, child language, narration/storytelling and language. The period considered was from 2007 to 2011. There were obtained 900 records, among which, nine (1%) met the criteria established for this review. The majority of studies were related to psycholinguistics analysis. Only one study used experimental method. In the analyzed period, few studies addressing children's oral narratives were produced; the vast majority took into consideration, primarily, cognitive and linguistic aspects in the development process of narrative skill; the vast majority of researches have been conducted with children who have any type of alteration in their linguistic development. It is believed that the production of knowledge, in relation to the development of oral narratives for children, currently requires a care towards interventions that use experimental methodology. Finally, it is believed that greater attention is required in relation to the development of narrative skills.

ASSUNTO(S)

health sciences

Documentos Relacionados