Por uma pedagogia da autonomia: Bakhtin, Paulo Freire e a formação de leitores autorais / For a pedagogy of autonomy: Bakhtin, Paulo Freire and the education of authoral readers.

AUTOR(ES)
FONTE

IBICT

DATA DE PUBLICAÇÃO

19/04/2012

RESUMO

Trata-se de uma dissertação de mestrado baseada em pesquisa qualitativa, realizada pelo pesquisador / professor, e que investigou suas práticas pedagógicas apoiadas em Mikhail Bakhtin e Paulo Freire. O estudo de caso ocorreu em uma escola estadual localizada no município de Taboão da Serra e consistiu em uma sequência didática montada pelo pesquisador / professor, ancorada no ensino de leitura e no trabalho com textos, e aplicada em suas aulas do 7º ano na disciplina de História. O objetivo da pesquisa foi observar o percurso dos estudantes, comparando as atividades iniciais e as atividades finais da sequência didática. Dessa maneira, foram investigados indícios do deslocamento do sujeito e da desestabilização de seu mundo autocentrado, estimulados pela ação pedagógica e pelo embate entre as vozes mobilizadas na sequência. A observação em sala de aula e a análise documental foram os procedimentos metodológicos mais adotados para a pesquisa. O pesquisador / professor se utilizou, como fundamentos teóricos, conceitos e noções de Bakhtin, tais como dialogismo, polifonia, exotopia e forças centrípetas / centrífugas. Contribuíram para a elaboração da concepção do sujeito e do mundo contemporâneos utilizada na pesquisa, autores como Vilém Flusser e Dany-Robert Dufour. O primeiro, discutindo a emergência de uma sociedade programada por aparelhos e mediada pelas chamadas imagens técnicas; o segundo, descrevendo o processo de dessimbolização dos sujeitos induzido pela telemática e pelas relações forjadas pelo Mercado. Os resultados mostram que a assunção de novas perspectivas, bem como a compreensão de outros universos culturais, provocam no sujeito-aluno um movimento de abertura para o mundo, para a diversidade e para a heterogeneidade, criando condições para a reflexão e a crítica sobre si e sobre sua própria cultura. Dessa forma, a prática docente orientou-se para uma pedagogia da autonomia nos moldes traçados por Paulo Freire.

ASSUNTO(S)

dialogism dialogismo ensino de leitura exotopia exotopy imagens técnicas pedagogia da autonomia pedagogy of autonomy polifonia polyphony reading teaching technical images

Documentos Relacionados