Perception of local inhabitants regarding the socioeconomic impact of tourism focused on provisioning wild dolphins in Novo Airao, Central Amazon, Brazil

AUTOR(ES)
FONTE

An. Acad. Bras. Cienc.

DATA DE PUBLICAÇÃO

10/11/2013

RESUMO

Botos-da-Amazônia (ou botos; Inia geoffrensis) são atualmente provisionados com alimentos para uso em atrações turísticas em cinco locais da Amazônia Brasileira. Apesar dos efeitos negativos associados com interações homem-golfinho já terem sido reportados, esta atividade foi recentemente regulamentada e licenciada no Parque Nacional de Anavilhanas, em Novo Airão, estado do Amazonas, Brasil. No presente trabalho apresentamos uma avaliação detalhada da percepção da comunidade local com relação aos possíveis impactos socioeconômicos deste turismo em Novo Airão. Em abril de 2011, 45 entrevistas foram realizadas com habitantes do município. Um pequeno segmento de Novo Airão possui a percepção de que são atualmente dependentes do turismo de alimentação artificial de botos. Apesar disso, os benefícios econômicos dessa atividade controversa aparentemente não são compartilhados entre a maior parte dos habitantes, e este turismo é percebido como gerando diversos efeitos negativos. Nós concluímos que se esta atividade fosse banida ou modificada para uma atividade turística menos impactante, esta ação provavelmente não iria afetar significativamente a vida da população em geral.Botos (Inia geoffrensis) are currently provisioned for use in tourist attractions in five sites in the Brazilian Amazon. Despite the known negative effects associated with human-wild dolphin interactions, this activity has been regulated and licensed in the Anavilhanas National Park in Novo Airão, Amazonas State, Brazil. We present an updated evaluation of the perception of the local community concerning the possible socioeconomic impacts of this tourism in Novo Airão. In April 2011, 45 interviews were conducted with inhabitants. A small segment of Novo Airão perceives currently itself as being economically dependent on the botos feeding tourism. Despite that, the economic benefits of this controversial activity apparently are not shared among most inhabitants, and botos feeding tourism is perceived as generating diverse negative effects. We conclude that if the activity was banned or modified into a less impacting tourist activity, this action would probably not majorly affect the lives of the general population.

ASSUNTO(S)

agricultural sciences applied social sciences biological sciences engineering exact and earth sciences health sciences human sciences

Documentos Relacionados