Faça uma monografia perfeita!

Faça parte da nossa lista exclusiva de acadêmicos e receba dicas imperdíveis para seu TCC.

Não gostamos de SPAM assim como você!

O ensino do comportamento tatico nos jogos esportivos coletivos : aplicação no handebol

AUTOR(ES)
DATA DE PUBLICAÇÃO

1995

RESUMO

A contínua evolução do jogo, sustentada pela melhoria da performance em todos os aspectos determinantes do rendimento esportivo, exige hoje que, no processo de formação do jogador, se aplique uma metodologia que permita o desenvolvimento global e harmônico das capacidades inerentes ao rendimento esportivo. A estrutura do rendimento nos jogos esportivos coletivos está caracterizada pela interação dos seus componentes, sendo que, a ênfase destes na competição é dada especialmente por aquelas capacidades ligadas ao comportamento tático, que é a essência do jogo. Referimo-nos às capacidades psíquicas (condução e regulação de ações), às capacidades técnicas (coordenação motora) e às capacidades táticas (elaboração de respostas e tomada de decisão) em função da própria situação de jogo. O objetivo do trabalho, de acordo com a análise desses componentes e sua interação com as exigências do jogo, é estabelecer as bases para uma metodologia do ensinoaprendizagem-treinamento do comportamento tático nos jogos esportivos coletivos. Propõe-se uma metodologia para desenvolver a capacidade de jogo e a inteligência de jogo, orientada pelo "método situacional", ao qual foram incorporadas "árvores genealógicas" que permitem a sistematização dos processos de percepção, antecipação e tomada de decisão, e que também facilitam o desenvolvimento das capacidades cognitivas, dos conhecimentos táticos e das capacidades táticas. A ênfase no desenvolvimento da capacidade tática individual e grupal, trabalhada permanentemente em interação com o nível de capacidade técnica através dos exercícios em complexo apresentados permite que o aluno adquira uma representação mental diferenciada das ações técnico-táticas necessárias à solução de tarefas-problemas que se apresentam no jogo. Isto facilita a transmissão de informação necessária à descoberta dos "sinais relevantes", que conduzem à solução dos problemas de jogo. O trabalho experimental compõe-se de dois projetos de investigação realizados com atletas de handebol, divididos em grupos com faixas etárias e experiência de jogo diferentes. No projeto principal, para a avaliação do comportamento tático no jogo de handebol, elaboramos três tipos de testes: dois de natureza "prática", sendo um para determinar o nível de capacidade técnica (composto de cinco provas), e, outro para determinar o nível de capacidade tática (composto de seis provas); o terceiro, de natureza "teórica", composto de uma bateria de quatro testes, que consistiam na apresentação de fotos, desenhos, esquemas para elaboração de respostas e de um filme, para avaliar o nível de capacidade cognitiva e de conhecimento tático dos alunos. Para a análise estatística dos resultados utilizamos modelos de regressão múltipla comum nos casos do teste de capacidade técnica e da prova de filme; para as demais provas, empregamos regressão logística por se tratarem de erros na forma binominal. Os resultados do trabalho experimental deixam claro que o processo de ensmo aprendizagem-treinamento, baseado no desenvolvimento das capacidades técnico-táticas individual e grupal, associadas ao desenvolvimento das capacidades cognitivas, pode propiciar ganhos efetivos na aprendizagem do comportamento tático no jogo. Observou-se que a idade é um fator importante no que diz respeito à execução de ações complexas, como as necessárias para solucionar problemas no jogo. A experiência, por sua vez, esteve presente no resultado em várias provas, mas o tipo de treinamento aplicado para o ensinoaprendizagem-treinamento do comportamento tático no jogo foi fator mais importante. Este dado confirma a validade do modelo desenvolvido, no qual, através das árvores genealógicas estruturadas mediante a aplicação de diferentes exercícios em complexo, caracteriza-se a ênfase no desenvolvimento dos processos cognitivos de percepção, antecipação e tomada de decisão. A interação desses fatores resulta na melhoria da execução das tarefas (técnicas) motoras. Os resultados mostraram uma evolução no nível de rendimento dos alunos, após as nove sessões de treinamento, e os grupos tornaram-se mais homogêneos. Portanto, o processo de ensino-aprendizagem-treinamento desenvolvido pode ser recomendado para a aplicação na área escolar, nas escolinhas esportivas e em clubes

ASSUNTO(S)

jogos handebol - regras handebol




Comentários