O ENADE para a licenciatura em física: uma proposta de Matriz de Referência

AUTOR(ES)
FONTE

Rev. Bras. Ensino Fís.

DATA DE PUBLICAÇÃO

2014-09

RESUMO

Este trabalho analisa as questões do componente específico das edições do Exame Nacional dos Estudantes (ENADE) para a licenciatura em física, procurando entender a estrutura do Exame através da reconstrução da sua Matriz de Referência (MR). Os aspectos do perfil profissional e os recursos (competências e habilidades) requeridos dos formandos foram extraídos das portarias do Exame, consubstanciadas nas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN). As questões foram localizadas na MR para cada edição do exame e, em seguida, as matrizes foram superpostas, possibilitando uma análise da frequência dos perfis e recursos (competências/habilidades) requeridos, os conteúdos (objetos de conhecimento) privilegiados, bem como o índice de facilidade das questões, acordado com o relatório síntese do INEP. Verifica-se, de um lado, a concentração de questões em algumas células da MR e, de outro lado, várias células vazias, indicando a prevalência de certos perfis/recursos, em detrimento de outros. Sobre o nível de dificuldade, a maioria das questões foi percebida pelos alunos como "média" ou "difícil", sendo o ENADE 2011 a edição mais difícil, com 72% dos itens como "difíceis".We examined the 2005, 2008 and 2011 items of the Physics Teachers' National Students' Exam (ENADE) trying to understand the Exam structure, rebuilding its Reference Matrix (MR) We considered the professional profile and resources (skills and abilities) required to the undergraduate students according to the National Curriculum Guidelines (DCN) and the decree of the exam. The questions were located in the MR for each Exam edition and then the matrices were overlaid enabling the frequency analysis of profiles and resources (skills/abilities) required, besides the content (knowledge objects) and items difficult index, according to INEP summary report. On one hand, there was the concentration of questions in some cells and; on the other hand, several empty cells, indicating the prevalence of certain sections/resources to the detriment of others. Regarding the level of difficulty, most of the questions were classified as medium or hard difficulty level, being the 2011 edition the hardest of the three tests, with 72% of the items considered "difficult".

ASSUNTO(S)

human sciences

Documentos Relacionados