Modulação circunstancial do desconto temporal: impacto de estímulos sobre a tomada de decisão nas esferas de negociação entre presente e futuro / Situational modulation of temporal discounting: impact of stimuli on decision-making in trade-offs between present and future

AUTOR(ES)
FONTE

IBICT

DATA DE PUBLICAÇÃO

19/10/2012

RESUMO

Seres humanos e outros organismos geralmente descontam o futuro, preferindo receber recompensas imediatas a postergadas. Essa tendência comum é compreensível, em grande parte, porque preterir o consumo de benefícios aumenta amplamente o risco de perdê-los. Ademais, a impaciência intertemporal pode ser adaptativa. A reprodução antecipada, em comparação com a tardia, produz em média um aumento na taxa de sucesso reprodutivo. Entretanto, apesar de ser uma tendência geral, o desconto do futuro pode variar transitoriamente em função de estimulações contextuais, especialmente, pistas de oportunidades sexuais. O objetivo do presente trabalho foi investigar fontes situacionais de variabilidade na preferência temporal. Para tanto, foram realizados quatro estudos visando avaliar os efeitos de indicadores de reciprocidade social, elementos arbitrários condicionados e qualidade de recursos limitantes sobre os índices de desconto do futuro, usando: (1) imagens de pessoas do sexo oposto expressando emoções de alegria e nojo; (2) vídeos de pessoas engajadas em entrevistas amigáveis e não amigáveis; (3) cores do ambiente experimental associadas a imagens de pessoas do sexo oposto e (4) imagens de alimentos atraentes e não atraentes. Os efeitos de tais estímulos foram medidos através de uma tarefa que costuma ser usada para avaliar desconto de futuro, formada por dois conjuntos de escolhas monetárias feitas pelos participantes antes e após a estimulação. Cada escolha monetária constituiu de um par de opções entre um valor (x) amanhã ou outro (x + y) daqui (z) dias. Adicionalmente, foram investigadas fontes individuais de variação na preferência temporal. Para tanto, foi realizado um estudo correlacional e transversal usando questionários estruturados, investigando possíveis preditores de desconto do futuro. O intuito foi averiguar as relações entre taxas de desconto do futuro e diferenças individuais, tais como sexo, idade, propensão ao risco e índices socioeconômicos. Os resultados apontam que a tendência ao imediatismo pode ser acentuada em contextos com a presença de cor com comprimento de onda longo associada a estados de excitação, em contraposição à cor com menor comprimento de onda; e diminuída pela exposição a estímulos alimentares com alto valor calórico, em comparação a estímulos alimentares de baixo teor energético. Além disso, o desconto do futuro apresenta correlação negativa com status socioeconômico, podendo este último predizer altas taxas de desconto temporal. Conclui-se que o desconto do futuro pode variar em função da ativação de estados de excitação e de sistemas motivacionais básicos e em resposta a escassez de recursos materiais. Conjuntamente, os resultados são compatíveis com a interpretação de que escolhas imediatistas estão relacionadas ultimamente a maximização da aptidão em determinados contextos; e que a preferência temporal é um processo multidimensional, possivelmente, englobando o funcionamento de diferentes mecanismos voltados para operar em dimensões específicas

ASSUNTO(S)

cognitive processes comportamento de risco decision-making etologia humana evolutionary psychology human ethology processos cognitivos psicologia evolucionista risco risk risk taking tomada de decisão

Documentos Relacionados